Seculo

 

Plataforma digital recebe sugestões para plano de desenvolvimento da Grande Vitória


21/04/2017 às 18:39
O Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) lançou uma plataforma digital para receber contribuições de moradores da Grande Vitória à elaboração do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI) da região. As sugestões devem estar relacionadas aos temas Ordenamento Territorial, Mobilidade Urbana, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente. A página pode ser acessada clicando aqui.
 
Embora pequeno, é um passo importante para o início da gestão integrada da região metropolitana, pela qual circulam diariamente 1,9 milhão de pessoas. Os quatro principais integrantes, Vitória, Vila Velha, Serra e Cariacica constituem, menos de 5% do território capixaba, mas abrigam 43% da população estadual. Por fim, a região concentra mais da metade do Produto Interno Bruto (PIB) capixaba.
 
No entanto, há anos, as gestões municipais se atropelam em soluções isoladas para resolver problemas conjuntos. Mobilidade urbana talvez seja o maior deles, exposto em engarrafamentos diários que conectam Vitória a Serra, Cariacica e Vila Velha. Criado há quase três décadas, o Sistema Transcol é o mais destacado projeto de dimensão metropolitano na área de mobilidade, mas que manifesta sinais claros de esgotamento.
 
A elaboração do plano de desenvolvimento Metropolitano da Grande Vitória atende a uma das exigências da lei federal nº 13.089/2015, conhecida como Estatuto da Metrópole. A lei determina que o plano seja aprovado pela Assembleia Legislativa e transformado em lei estadual até janeiro de 2018. 
 
O Comdevit organizou, então, um grupo de trabalho com membros de secretarias de Estado, prefeituras e sociedade civil, que conduz a elaboração do documento. O plano de desenvolvimento da RMGV é um instrumento legal que estabelece as diretrizes, os projetos e as ações para orientar o desenvolvimento urbano da Região Metropolitana, para reduzir as desigualdades e melhorar as condições de vida da população.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
'Tapa na cara'

Na semana do Dia do Professor, os homenageados da Assembleia: Hartung, Haroldo Rocha e a vitrine Escola Viva. É mole ou quer mais?

OPINIÃO
Editorial
Ajuste fiscal, a 'isca' do negócio
Hartung tem feito publicidade nacional para mostrar que o ES é o novo paraíso para investidores. Esconde, porém, os problemas internos, que não são poucos
Renata Oliveira
Hartung fica?
O tempo passa e nada de Hartung deixar o PMDB. Já tem gente apostando que ele não sai do partido
JR Mignone
Meio a meio
Seria esta a solução para ter uma programação de rádio com a participação de emissora de fora?
Caetano Roque
Do limão, uma limonada
É hora de o movimento sindical exercitar sua capacidade de mobilização nas negociações com as empresas
Geraldo Hasse
Está começando o ano 2018
Tudo indica que o único evento positivo do próximo ano será a Copa do Mundo
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Quem me ensinou a nadar
Panorama Atual

Roberto Junquilho

Este blog fica por aqui
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Algo de novo no ar
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

'Tapa na cara'

Ricardo Ferraço tenta construir imagem de ficha limpa e prega tolerância zero à corrupção

Está começando o ano 2018

Mais veneno para o Espírito Santo

Editora Cousa completa oito anos com festa no Centro de Vitória