Seculo

 

'Beije-me em Barcelona' conta história de amor na cidade catalã


10/07/2017 às 10:39
Depois de viver por dois anos em Portugal e finalizar o doutorado em História, Fabio Reis, filho do escritor e jornalista Jonas Reis, decidiu registrar toda a sua trajetória na Europa no livro Beije-me em Barcelona. O livro será lançado nesta sexta-feira (14), na Kaffa Cafeteria, em Jardim da Penha, Vitória.
 
Por meio do personagem Isaque, Fabio conta os seus encantos e dificuldades no Velho Mundo. A história começa com um réveillon em Barcelona, no qual ele reencontra Luiza, seu grande amor da adolescência que ele quer reconquistar. Fabio consegue prender a atenção do leitor, que fica torcendo pelo casal até o final do livro.
 
“Desde que nos reencontramos, ouvimos as pessoas dizerem que a nossa história é digna de um livro. Ficamos seis anos separados e depois nos reencontramos na Europa e tudo aconteceu de forma muito romântica e inusitada. Nossa história é uma história não só de amor, mas de crescimento, de perdão”, explica Fabio.
 
O interessante em Beije-me em Barcelona é a riqueza de detalhes com que Fabio conta todas as suas experiências. Para aqueles que não conhecem a Europa vão poder viajar junto com o escritor que fala sobre diversos pontos turísticos e sobre a vida universitária em Portugal.
 
Fabio Paiva Reis é historiador, doutor pela Universidade do Minho, em Portugal. Natural de Vitória, voltou para o Brasil em meados de 2013, quando começou a se dedicar a projetos pessoais. Escreveu Beije-me em Barcelona, seu primeiro romance, e foi premiado em um Edital do Funcultura 2016, da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). Fotógrafo amador e nerd assumido, Fabio é casado com Thais, com quem tem duas lindas gatas, Jade e Mimi.
 
Serviço
Fabio Reis lança Beije-me em Barcelona nesta sexta-feira (14), a partir das 19h, na Kaffa Cafeteria. Rua Darcy Grijó, Jardim da Penha, Vitória. R$ 20.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

Os demônios de Majeski

Deputado vive o conflito de se manter fechado em seus princípios ou transigir com lideranças que possam pôr em risco sua imagem de político ''diferente''

OPINIÃO
Editorial
Um Estado que mata suas mulheres
Crime da médica Milena Gottardi chama atenção para os casos de feminicídios, que fazem do ES um dos estados mais violentos do País para as mulheres
Renata Oliveira
Dados x discurso
Como pode o Estado ser um exemplo para o País em gestão, se não tem potencial de mercado e solidez fiscal?
JR Mignone
Qual rádio ouviria hoje?
Sinceramente, não saberia explicar que tipo de rádio eu ouviria hoje, isto é, que me motivaria a ligar o botão para ouvi-la: uma de notícia ou uma só de música selecionada
Geraldo Hasse
A doença da intolerância
Ela está nos estádios, nos governos, nas igrejas, nos parlamentos, nas ruas, nos tribunais
BLOGS
Flânerie

Manuela Neves

Branca, o Teatro e a sala de estar
Panorama Atual

Roberto Junquilho

Fuzis e baionetas, nunca mais!
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

Turista acidental
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Convenção estadual do PSDB pode definir destino de Majeski no partido

Porta a Porta: MPES arquiva procedimento contra Luciano Rezende

Vereadores terão que se explicar sobre arquivamento de denúncia contra prefeito interino

Entidades querem manutenção de ação sobre esgoto em Vitória na Justiça Federal

Na última década, evolução do orçamento da Assembleia se manteve abaixo do Judiciário