Seculo

 

Pessoas com deficiência protestam contra integração de ônibus de Vitória ao Transcol


16/07/2017 às 19:37
Usuários dos sistemas Porta a Porta e Mão na Roda, respectivamente, programas municipal e metropolitano de transporte de pessoas com deficiência, irão protestar nesta segunda-feira (17), a partir das 15h30, na sede da Prefeitura de Vitória, em Bento Ferreira, contra o projeto de integração do sistema de transporte municipal ao Transcol. Eles temem o fim do serviço com a integração.
 
Segundo o presidente do Movimento Organizado de Valorização da Acessibilidade (Mova), José Olympio Rangel Barreto, o protesto vai ganhar adesão dos usuários do Mão na Roda por efeito das consequências de um possível fim do Porta a Porta. “Vai ter gente de outros municípios também porque se acabar o Porta a Porta vai sobrecarregar o Mão na Roda”, diz.
 
Segundo ele, o Mão na Roda já dá sinas de estafa no transporte de pessoas com deficiência. “São 25 carros para quatro mil pessoas na Grande Vitória”, aponta Olympio. 
 
O protesto também vai mirar o prefeito de Vitória, Luciano Rezende (PPS). Notificado no início de maio de uma decisão da 5ª Vara da Fazenda Pública Estadual determinando melhorias no sistema (incremento de oito veículos à frota e agendamento mínimo de dois dias, incluindo dias úteis, feriados, pontos facultativos e finais de semana), o prefeito preferiu ignorá-la. 
 
“Ele tem que cumprir a sentença. O que ele está fazendo é maldade, a prefeitura tem recursos”, diz Olympio, se referindo à justificativa de “falta de recursos” que a prefeitura oferece para não cumprir a determinação. O Mova entrou no Ministério Público Estadual com um pedido de instauração de ação penal contra Luciano Rezende por crime de desobediência de sentença judicial.

Leia Também

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem

.

SOCIOECONÔMICAS
Perguntas em aberto

Defesa dos irmãos JBS promete entregar novos documentos à PGR, com detalhes sobre as doações de campanha. Mandatos de políticos do Estado eram de fato estratégicos para a empresa? Por quê?

OPINIÃO
Editorial
Propaganda não maquia crise na PM
Após policiais se recusarem a fazer papel de garotos-propaganda do governo, clima de tensão fez Comando da PM cancelar cerimônia de promoção
Renata Oliveira
Medidas protetivas
Mudanças na legislação eleitoral visam a garantir a eleição da classe política diante das enxurradas de denúncias
Geraldo Hasse
Sr. Rolando Boldrin, o Brasil de verdade
A biografia do apresentador de TV louva a autêntica cultura caipira, que vai do baião ao samba
BLOGS
Blog do Phil

Phil Palma

Um homem nu.
Flânerie

Manuela Neves

Sizino, o pioneiro
Panorama Atual

Roberto Junquilho

O cinismo explícito e a esperança de fora Temer renovada
Mensagem na Garrafa

Wanda Sily

O presente
Gustavo Bastos
Blog destinado à divulgação de poesia, conteúdos literários, artigos e conhecimentos em geral.
MAIS LIDAS

Nova ferramenta permite acompanhar movimentação de processos, inquéritos e execuções

Codesa apresenta apenas projeto paisagístico e revolta moradores

Entidade coloca mais uma vez em suspeição dados sobre poluição por pó preto na Grande Vitória

Delegacia de Goiabeiras funciona em condições precárias

Medidas protetivas