Sexta, 21 Janeiro 2022

A Piedade quer voltar a sorrir em paz

Fotos: Vitor Taveira É mais fácil falar da presença do que dos vazios e silêncios. O medo ainda existe, embora passeie invisível entre os becos, vielas e as casas abandonadas, algumas com marcas de fogo e destrui&cce