Domingo, 26 Junho 2022

007 morreu

Não! Quem morreu na saga foi o ator Daniel Craig. Seu último filme foi 007 - Sem Tempo para Morrer. Dias desses, fui surpreendido com o filme sendo exibido na TV, e numa noite de sábado.

Não tinha a informação que Bond morre neste filme. A surpresa foi sua morte numa explosão catastrófica e o filme acaba. Após passar aquelas letrinhas, a última coisa escrita era "James Bond vai voltar".

Tive que me lembrar do primeiro filme da série, 007 – Contra o satânico Dr. No, feito em 1962, com Sean Connery, e então a série tem 60 anos. Geralmente os atores da série se cansam, pedem para sair. Aconteceu agora com Daniel Craig.

Este último filme tem um diretor com origem asiática chamado Cary Fukunaga. Veja você! Ele disse sobre a morte de Bond: "Enquanto lançam mísseis sobre o complexo de Safin, Bond é pego na ilha, morrendo. Embora o público não veja o corpo, ele realmente está morto. Embora muitos presumissem que o final de 007 – Sem Tempo para Morrer seria controverso, afinal, matar James Bond é praticamente um sacrilégio, o final foi amplamente elogiado por ser inventivo e encerrar a saga de Daniel Craig com maestria", finalizou.

Muita ação, mulheres não tão bonitas mas sempre sensuais, orçamento altíssimo e uns mil nomes ou mais subindo nas "letrinhas" do final do filme.

Resumindo: Agora resta aos fãs esperar quem será escolhido para ser o novo James Bond. Mas o que realmente valeu no filme foi a música de Louis Armstrong - We Have All The Time In The World -, de 1973, cantada por ele no final e servindo de "score" em algumas cenas.

De qualquer maneira, um bom filme.

PARABÓLICAS

Não estamos vendo o carrinho de Marcelo Ribeiro, que carrega instrumentos. Será que ele está fora do país novamente?

Será que Boquinha (Oscar Junior) continua dando seus piques nas caminhadas matinais pela orla de Vitória? Grande jornalista!

Juliana Morgado é a linda apresentadora da Record News. Ela já foi assessora do Detran e da Prefeitura de Vila Velha.

Outro Dia vi Mário Bonella abrindo o Fantástico com reportagem sobre o ES. O Mário é um profissional escorreito.

ACESSE
http://jrm50anos.blogspot.com.br/
O rádio do ES na visão de JRM

Excepcionalmente não colocaremos música do nosso site de clipes traduzidos no Youtube e sim o acesso à música, com
Louis Armstrong - We Have All The Time In The World:
https://www.youtube.com/watch?v=r_cq_ni9MrU

MENSAGEM FINAL
"Computadores facilitam milhares de coisas, mas a maioria das que eles tornam mais fáceis não precisa serem feitas". Andy Rooney

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 26 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/