Quarta, 29 Junho 2022

Feitos um para o outro

Marco Antônio e Cleópatra, Romeu e Julieta, Alexandre e Roxane, Lucille Ball e Desi Arnaz, Paul Newman e Joanne, Pedro e Inês de Castro, Elizabeth e Richard, Charles e Camilla, Eduardo e Mônica - feitos um para o outro? Estava escrito nas estrelas, disseram eles, antes do primeiro beijo. As histórias de amor abundam na literatura, algumas falsas, muitas verdadeiras. Será o amor o tempero da vida, a poção mágica que impulsiona o mundo e faz girar a máquina do tempo?

*

Nossa história começa com um homem e uma mulher que, ao que parece, viveram juntos uma longa vida, mesmo porque, não tinham outras opções: Adão e Eva. No entanto, antes houve Adão e Lilith, ou Lúcia - que desapareceu da Bíblia mas deixou vestígios aqui e acolá. Nada de concreto, pode até ser nossa primeira fake news, mas parece que Lilith foi banida do paraíso e da história humana por se recusar a reconhecer a superioridade de Adão. A supremacia masculina estava em risco.

*

Disse Adão: Antes da gente começar, vamos deixar claro que quem manda aqui sou eu. Lilith foi até razoável, Exponha suas razões, disse ela. Sou mais forte e enquanto não inventarem a roda, a máquina a vapor, e a Internet, vamos precisar da minha força. Lilith não se fez de boba, Você vai à caça e provê o alimento, mas estou pegando a pior parte: parir a descendência, cozinhar, lavar, passar, limpar a casa. Sua força e minha paciência estão equiparadas nessa empreitada de povoar o mundo.

*

Deus acompanhou de perto a querela, e achou que não seria bom ouvir briga do casal pelo resto da eternidade. Adão persistiu em sua mania de grandeza e Lilith se mandou do Éden - a história não registra que fim levou. E como sozinho Adão não poderia povoar o mundo, Deus criou Eva…Dizem por aí que, para se vingar, Lilith se cobriu com uma pele de serpente, subiu na macieira…e o resto é história. Tudo isso aconteceu há muito tempo, e se hoje é difícil discernir fatos reais de fake news, imagina nesses antanhos.

*

Os outros casais já citados não se saíram melhor. O tumultuado romance de Elizabeth Taylor e Richard Burton repete o tumultuado romance de Marco Antônio e Cleópatra - ambos tiveram um final infeliz. Tal e qual Alexandre e Roxane. Quanto a Romeu e Julieta, o único que se saiu bem foi Shakespeare, que nem inventou essa história. Lucille Ball pediu o divórcio no mesmo dia em que seu famoso seriado, Eu amo Lucy, saiu do ar - Desi não a amava.

*

Exemplo de amor imorredouro: Pedro, que nunca esqueceu a bela Inês, Paul Newman, que envelheceu nos braços de Joanne. Quem diria, Charles e Camilla podem ser o modelo de casal romântico ideal! Mas Eduardo e Mônica prometem. Virginia Woolf disse: Caso você tolamente esqueça: eu nunca paro de pensar em você (em Diários selecionados). Victor Hugo disse: Amar e ser amado é o bastante. Não peça nada mais (em Os Miseráveis).

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 29 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/