Sábado, 27 Novembro 2021

Indignação

Chega a ser até por falta de incompreensão de nossa parte, mas falo da frieza do setor alimentício na pandemia. Senão vejamos. Durante o período crítico da Covid no Brasil, somente setores essenciais poderiam exercer suas funções; padarias, supermercados e farmácias.

Pois nem as farmácias, que supostamente estão ligadas a venda de remédios, tiveram tanto lucro quanto os supermercados. Vale registrar também, que esse setor fez diversas remarcações de preços encarecendo mais ainda o alimento.

Mas a minha indignação foi em relação à frieza do setor no tocante à fome avassaladora no Brasil devido à pandemia e eles nem aí para se tocarem ao grave problema.

Será que alguma rede de supermercado fez algumas doações em sigilo?

Mas o fato é, que eles vendo o engajamento da sociedade, sempre a menos favorecida que ajuda, viam sair cestas básicas, ora compradas por ONGs pobres, ora compradas por alguma empresa maior, afim de ajudar a aplacar a fome de muitos e eles nem aí. Queriam vender e vender.

Qual a medida do governo nesse caso? Nenhuma. Mas também não podia esperar nada desse governo esquisito, pelo contrário, somente permissão a mais reajustes como gasolina, energia, planos de saúde e outros vitais a economia e a sobrevivência da sociedade.

Por isso brasileiros, espero que nunca esqueçam desse negro período da pandemia, com isso não esqueçam do governo, que sempre teve pesos diferentes e nefastos em sua balança.

A respeito dos supermercados e de todo setor atacadista, nunca esqueçam que o capitalismo não morreu, pelo contrário, mata!

PARABÓLICAS

A atuação do MiniCom neste governo Bolsonaro tem sido fraca, no tocante aos anseios da moderna comunicação do país

Na verdade o programa Pânico no rádio foi o pioneiro a dar certo. Tem anos no ar e alguns imitadores medíocres

De primeiro Ivete Sangalo e outros baianos vinham até Vitória, na mesma época, faturar em cima de nós, só que a pandemia estancou.

A Disney Mais já está no Brasil com seu carro chefe de desenhos e heróis da Marvel. Muito chato!

ACESSE:

http://jrm50anos.blogspot.com.br/
O rádio do ES na visão de JRM

ACESSE TRADUÇÃO JRM YOUTUBE

Renato Zero - Cercami

MENSAGEM FINAL

Custa mais caro sustentar um vício que educar dois filhos".Benjamin Franklin

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 27 Novembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/