Dólar Comercial: R$ 5,02 • Euro: R$ 6,11
Terça, 26 Janeiro 2021

Liberdade ou abuso?

Há alguns anos, o jornal Século Diário sofre um processo de censura prévia. O jornal está proibido de citar o nome de um determinado magistrado em qualquer matéria. Neste caso, o interesse particular venceu o interesse público da informação.



Essa é uma situação bem diferente do que aconteceu no episódio envolvendo a participação do ex-governador Paulo Hartung (PMDB) na campanha de reeleição do prefeito de Cachoeiro de Itapemirim (sul do Estado), Carlos Casteglione (PT). No Tribunal Regional Eleitoral (TRE), o entendimento foi de que a decisão de primeiro grau impôs uma censura prévia, já que não poderia impedir a Justiça a divulgação pelos veículos locais do apoio do ex-governador ao prefeito.



Mas o Tribunal ignorou o fato público e notório no município de que houve duas inserções de 30 segundos do candidato do PT com a participação do ex-governador. Isso não é material jornalístico e sim propaganda eleitoral. E neste ponto a legislação é clara.



O PMDB de Hartung está coligado com o palanque de Glauber Coelho (PR) e, por isso, ele não poderia participar da campanha de Casteglione. É simples. Nos mesmos moldes, a Justiça de Guarapari tirou Hartung da propaganda eleitoral de Edson Magalhães (PPS).



Com a decisão, fica a dúvida se as regras não valem para o ex-governador. Se houve confusão entre o que é material jornalístico e o que é propaganda, é só seguir a orientação de George Orwell: “Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade”.



Fragmentos:



1 – Nesta quarta-feira (12), um grupo de atores sociais do município de Vila Velha vão buscar um diálogo com a candidatura do ex-prefeito Max Filho (PSDB).



2 – O que chama a atenção é que o encontro não será no tradicional reduto dos Mauro, o Dispensário São Judas Tadeu, na Prainha, e sim no Cerimonial Praia da Costa. Será o efeito da filiação ao ninho tucano?



3 – Por falar em tucano, há quem diga que o presidente do PSDB do Estado, César Colnago, anda sumido da campanha na Capital. Bom, pelo menos em Vila Velha, ele tem se feito presente na campanha de Max Filho.

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 26 Janeiro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection