Dólar Comercial: R$ 5,56 • Euro: R$ 6,58
Sábado, 24 Outubro 2020

#ValeSuaLinda

A página 5 do Diário Oficial de Vitória desta segunda-feira (30) traz um escárnio: a Secretaria Municipal de Educação (Semed) firmou um termo de compromisso com a Vale para a execução de um programa de educação ambiental em áreas protegidas da poluidora. A ideia é “desenvolver a consciência ambiental da comunidade escolar e proporcionar práticas sustentáveis inserindo-as no contexto de áreas de proteção e conservação, com intuito de promover mudanças de atitudes”. Só rindo. Isso que dá administrar uma cidade pelo Facebook. O prefeito de Vitória Luciano Rezende (PPS) não só desrespeita os moradores de Vitória, que não suportam mais respirar pó de minério, como também escancara um servilismo desprezível à Vale: em quatro anos de mandato, o #VitoriaSuaLinda nunca abriu a boca contra a empresa - aquela multa milionária de 2016 é, antes, um rompante oportunista. Depois da catástrofe em Mariana (MG), que devastou o Rio Doce, e da interdição do Porto de Tubarão pela Justiça Federal, em janeiro de 2016, a Vale precisa urgentemente requalificar sua imagem pública. E qual a melhor saída? Educar (muitas aspas) estudantes. Para tal, a Secretaria Municipal Educação de Vitória é um precioso instrumento.

Vale conhecer?

A Vale (cof, cof!) não aprende. Nesse ensolarado domingo (29), na Praia de Camburi, a poluidora promoveu no quiosque n°2 uma ação de empréstimo de bicicletas para as famílias. Tudo muito lindo, como se Vitória fosse Estocolmo. Mas seria ótimo, mesmo, se junto com as bikes a Vale emprestasse um pulmão para papais e filhotes usarem no pedal.

Aliás...

No Facebook, o advogado André Moreira, candidato do Psol nas eleições para a Prefeitura de Vitória, relembrou o vexatório caso em que foi barrado do debate realizado pela Rede Gazeta porque ia abordar a poluição provocada pela Vale. Moreira comentou uma publicação indignada do advogado Gustavo Varella contra o pó preto: “Como vc sabe fui barrado no Debate da Gazeta por que ia tocar nesse assunto”, disse.

Batman

O Tribunal de Justiça determinou a suspensão dos trabalhos nas unidades situadas no 5º andar do Fórum Moniz Freire, no Centro de Vitória, entre os dias 20 e 24 de janeiro para higienização. O local, que O local as 1°, 2°, 3° e 4° Varas de Família, sofria com problemas como acúmulo de dejetos de pombo e infiltrações. Adiantou? Nada.

Batman II

Na quarta-feira (5), as 2° e 4° Varas de Família foram fechadas de novo. Funcionários de limpeza encontraram um morcego morto em cima da pia da cozinha. A sujeira e cheiro estavam insuportáveis. No final de sexta (27), mais morcegos apareceram. Pobre Moniz Freire.

Acorda, Ferração

Theodorico Ferraço (DEM) parece que ainda não acreditou que ficou sem a presidência da Assembleia Legislativa. Atirou para cima do governador Paulo Hartung (PMDB) como se tivesse uma metradalhora, quando o que lhe restou foi uma singela garruchinha.

Vaga na Mesa

O deputado federal Marcus Vicente (PP) disputa dentro do PP a vaga que couber à legenda para a segunda ou terceira Secretarias da Câmara dos Deputados, cuja eleição será nesta quinta-feira (2). Como já destacamos aqui, Vicente cresce de tamanho em Brasília, enquanto diminui no Espírito Santo, como mostraram os reveses que sofreu nas eleições passadas.

Tudo tem limite

Ou deveria ter. O governador Renato Casagrande (PSB) continua falando que pode não disputar o governo em 2018. Até aqui, ok. O duro é agüentar a insistência nos potenciais candidatos do partido, como o deputado estadual Eustáquio de Freitas. Menos, Casagrande, menos.

Arquivado

O Ministério Público Estadual (MPES) arquivou um procedimento preparatório inicial contra Jorge Donati em decorrência do falecimento do o ex-prefeito de Conceição da Barra, em novembro do ano passado. Segundo a denúncia, Donati estaria se utilizando da estrutura administrativa para divulgar material gráfico, através de panfletagem em escolas e na cidade em geral, para favorecer seu grupo político.

E as obras?

A Prefeitura de Vitória renovou o contrato com a Mitra Arquidiocesana de Vitória, no Centro, para abrigar a escola municipal São Vicente de Paulo até dezembro deste ano. Como se sabe, o Ministério Público Estadual instaurou inquérito civil para averiguar uma suposta demora na conclusão das obras da escola. O centenário imóvel é de interesse histórico para o município.

Pensamento

“Um conservador é um liberal que foi assaltado”. Tom Wolfe

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 24 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection