Quinta, 26 Mai 2022

Dez webséries capixabas para assistir em casa

webseries_grios_de_goiabeiras Reprodução / YouTube - Instituto Marlin Azul

Uma tendência crescente nos últimos anos que explodiu em 2021 na produção audiovisual capixaba, as webséries ganharam um grande impulso nos últimos meses, principalmente a partir de projetos realizados com apoio de recursos da Lei Aldir Blanc, que descentralizou recursos federais para estados e municípios.

Século Diário selecionou dez dessas webséries com temas e formatos diversos como sugestão. A seguir, um resumo sobre cada uma e seu primeiro capítulo em vídeo. A maioria foi publicada nos últimos meses, sendo que algumas ainda lançam novos capítulos periodicamente na internet. Confira e assista!

1 - Capixabas D'Luta

Em seis episódios em formato de animação, essa série traz a cada edição a biografia de personalidades históricas do Espírito Santo que se destacaram por diversos motivos, todos ligados a algum tipo de luta ou resistência em diferentes momentos. São elas: Maria Ortiz, Chico Prego, Afonso Cláudio, Maria Tomba-Homem, Maria Nilce e Paulo Vinha. Os roteiros e direção são de Cintia Braga.

2 - Montadas

Com quatro episódios lançados, a produção aborda desde o Espírito Santo à Arte Drag, pro meio de performances e conversas sobre questões como as diferenças entre drag, travesti e transexual e outros temas como aceitação, educação sexual, bullying e resistência. A direção e apresentação são de Vini Kava.

3 - Tenho time para torcer

Para quem gosta de futebol, a websérie da produtora Ventania mostra a cada capítulo um pouco sobre as torcidas apaixonadas de quatro times do Espírito Santo, mostrando que a despeito da maior parte dos capixabas que torcem para equipes de outros estados, há aqueles que nutrem verdadeira paixão por clubes locais, no caso Desportiva, tema do primeiro vídeo, Rio Branco, Vitória e Serra.

4 - Olhar Milenar

Com quatro capítulos, Olhar Milenar tem como protagonista um alimento tão comum no Espírito Santo: o milho. Chef e cineasta, Ligia Sancio dirige a obra que percorre histórias e trajetórias do uso deste grão desde os povos indígenas, negros e pomeranos, que permanecem até hoje.

5 - Griôs de Goiabeiras

Realizada pelo Instituto Marlin Azul, a websérie aborda a cultura popular e os conhecimentos dos anciãos de um dos bairros mais ricos em tradições da capital do Espírito Santo. Goiabeiras e seus mestres são protagonistas dos capítulos que falam sobre manifestações com as panelas de barro, congo, folia de reis e cantadeiras de roda.

6 - Reikwaapa

Realizado por jovens do Núcleo Audiovisual Indígena Kaagwy Porã, Reikwaapa, Saberes Guarani apresenta em quatro capítulos elementos importantes da cultura guarani a partir da aldeia Nova Esperança/Kaagwy Porã, em Aracruz, norte do Estado. Falados originalmente em guarani, os capítulos possuem duas versões, uma legendada e outra dublada a português.

7 - Brinquedoteca da Luz

A websérie infantil da EXP Filmes tem como protagonistas o cineasta Francisco Xavier e sua filha Elisa, que juntos constroem brinquedos ópticos, utilizando materiais recicláveis para produzir imagens em movimento. A cada episódio, um brinquedo novo, como câmera escura, projetor caseiro, zootropo, flipbook e laterna mágica, formando assim uma brinquedoteca. A segunda temporada estreia no próximo dia 14.

8 - A Noite Iluminada

Produzida pela Cia Junto, composta por artistas argentinos radicados no Espírito Santo, esta websérie é a adaptação de um espetáculo de teatro baseado em um conto de Ray Bradbury, que fala sobre uma criança que tem medo de escuro, até que conhece uma menina misteriosa que lhe mostra as belezas que podem haver na escuridão.

9 - Discólatras

Os amantes da música, especialmente os aficionados em discos de vinil, vão curtir esta websérie, que aborda eventos, grupos locais, artistas e colecionadores capixabas relacionados com os discos que persistem ao tempo e às mudanças tecnológicas.


 10 - Corpo-Rio

Realizado pelo grupo Atuação, de Marataízes, como uma cartografia artística e afetiva dos do Rio Itapemirim, um dos mais importantes do sul do Espírito Santo, a websérie é baseada em performances e experimentações artísticas ao longo do trajeto deste curso d'água.

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários: 2

Evilyn Quintino em Segunda, 03 Janeiro 2022 18:47

Que máximo! Porém o link da websérie Montadas está errado. :/ Este vai direto pro episódio 1: https://youtu.be/h9OlTC-Nlig

Que máximo! Porém o link da websérie Montadas está errado. :/ Este vai direto pro episódio 1: https://youtu.be/h9OlTC-Nlig
Evilyn em Segunda, 03 Janeiro 2022 19:30

bug momentaneo hehe

bug momentaneo hehe
Visitante
Quinta, 26 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/