Segunda, 15 Agosto 2022

Encontro reúne mulheres do congo na Serra

congo_mulheres_abc_serra ABC Serra

CULTURA POPULAR

Congueiras gravam vídeo na Serra

ABC Serra

No embalo do mês de março, a Associação de Bandas de Congo da Serra (ABC/Serra) realiza no domingo (20), a partir das 9h30, a Roda de Memória de Mulheres Congueiras. São esperadas cerca de 40 delas, entre rainhas, dançarinas, mestras de congo, artesãs e festeiras, que se encontram na sede da ABC em Serra Sede. A atividade faz parte da programação do Ponto de Memória do Congo na Serra e na ocasião serão registrados depoimentos das participantes em audiovisual, como parte de uma série de três episódios sobre o congo serrano.

Criada em 1986 sob liderança do saudoso Mestre Antônio Rosa, a ABC- Serra é uma entidade sem fins de lucro que possui 19 bandas de congo associadas, que abarcam comunidades desde o litoral ao interior do município. Desde 2013 é sediada no bairro São Domingos, em Serra Sede, que possui acervo histórico permanente e estrutura para atividades das entidades, sendo agora reconhecida como um Ponto de Memória dentro da política cultural estadual.

CIRCO

Festival de palhaçaria abre inscrições

Rumo a sua terceira edição, o Moqueca de Palhaços - Festival de Palhaçaria Capixaba abriu inscrições para números que queiram fazer parte da programação, que acontecerá em formato híbrido de 10 a 17 de abril, com atividades online e presenciais, no Centro Histórico de Vitória, em espaço público e centros culturais. Artistas circenses, performers, músicos, dançarinos e outros podem inscrever suas apresentações até dia 31 de março por formulário online. O evento é realizado pelo grupo Lacarta Circo Teatro, com recursos do Fundo Estadual de Cultura (Funcultura).

DANÇA

Festival de Danças Populares em Vitória

Outro evento que está nos preparativos é o Festival Dança Vix - 1° Festival de Danças Populares de Vitória, organizado pela Associação Cultural Andora dos dias 26 a 29 de maio. A sede do evento será a Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), mas também haverá cortejos e apresentações em outros espaços públicos e em patrimônios histórico-culturais da região da Grande Vitória. Acompanhe novidades por aqui. 

Aliás, o Andora abriu inscrições para suas oficinas de Danças Populares Brasileiras, que voltam a ser ofertadas com o retorno das atividades presenciais na Ufes, onde o grupo funciona como projeto de extensão. As aulas acontecem às segundas e quartas-feiras, das 17h às 19h, na sala de dança do CEFD. Para participar é obrigatório ter a vacinação completa contra Covid-19. As inscrições podem ser feitas aqui.

MÚSICA

Suindara lança 'Bailado de Cabocla'

Divulgação

Surgido na vila de Patrimônio da Penha, reduto alternativo em Divino de São Lourenço, na região do Caparaó, o grupo Suindara lançou nessa sexta-feira (18) seu primeiro single, Bailado de Cabocla, disponível em redes como Spotify, Deezer e Apple Music. 

Compõem o Suindara as artistas Aline Maria, Laíssa Gamaro e Relva Rodrigues. O EP completo, que leva o nome do grupo, sai no próximo dia 25 de março.

Izar inicia jornada de lançamentos

Outro que prepara o lançamento de disco é o músico e compositor Izar, que no dia 25 apresenta Fake, o primeiro de sete lançamentos mensais que vão culminar na formação final do disco Fantástica Realidade. A primeira canção apresentada, como o nome pode sugerir, fala das notícias falsas que ganham cada vez mais espaço na nossa sociedade. A sequência de lançamentos será terminada no dia 16 de setembro, com a canção que dá nome ao disco. As canções estarão disponíveis no YouTube do artista e outros espaços.

LITERATURA

Sarau da Barão lançará coletânea literária

Um dos mais antigos e constantes saraus em atividade no Espírito Santo, o Sarau da Barão completa em 2022 sete anos de existência. Como parte das comemorações, será lançado um zine com poemas inéditos, com tema livre e inscrição aberta para poetas de todo Brasil. Serão 20 os selecionados para comporem a obra. O edital de chamamento está disponível aqui.

LANÇAMENTO

Castiel Vitorino lança livro na Fonte Grande

Artista capixaba que vem ganhando destaque no âmbito nacional, Castiel Vitorino Brasileiro lança neste sábado (19), o livro Quando o sol aqui não mais brilhar: a falência da negritude.

O local do evento é o Quintal Bantu, caso do Mestre Renato Santos, na Fonte Grande, Vitória. A programação começa 15h, tendo apresentação da Escola de Samba Unidos da Piedade seguida de conversa sobre o livro, publicado pela reconhecida editora n-1.

EXPOSIÇÃO 

Viviane Mosé debate residências artísticas

Seis artistas capixabas iniciaram o programa Residência Artística da Galeria de Arte e Pesquisa da Ufes (GAP), que resultou na exposição Saturação, com curadoria do artista e professor Didico, participante da residência junto com Alexandre Marin, cham.amanda, Renata Apolinário, Ronaldo Gentil e Rosana Paste. Na próxima terça-feira (22), de 9h às 10h, a psicóloga, filósofa e poetisa Viviane Mosé participa de uma live com os artistas no qual será discutida a experiência e os trabalhos produzidos. A transmissão será por meio do canal do Centro de Artes no YouTube.

POLÍTICA CULTURAL

Secult abre inscrições para Fundo a Fundo 2023

Menos de duas semanas depois de anunciar os 46 municípios contemplados para receber a primeira leva de recursos por meio do Programa de Coinvestimento Cultural (Fundo a Fundo), a Secretaria de Cultura do Espírito Santo (Secult) abriu inscrições para os entes que queiram participar no ano de 2023. No programa, o governo estadual descentraliza recursos para o setor mediante contrapartida financeira também dos municípios, tendo sido totalizados R$ 8,3 milhões para 2022, somando os recursos estaduais e municipais. As inscrições devem ser feitas pelo Mapa Cultural ES até o dia 30 de novembro. Mais informações aqui.

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 16 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/