Sábado, 20 Julho 2024

​Escritora lança livro sobre produção cultural

karlili_trindade_foto_vitor_taveira Vitor Taveira

A escritora e gestora cultural Karlili Trindade lançou o livro Produção Cultural – Guia de Bolso. A obra traz debates como o que é cultura, o trabalho nessa área, estrutura institucional, Sistema Nacional de Cultura, leis, e passo a passo para construir e produzir projetos culturais. O livro está a venda por R$ 25,00 no site da Editora Maré e também pode ser adquirido por meio do telefone (27) 99657.6252.

Divulgação

Karlili afirma que Produção Cultural – Guia de Bolso é "uma plataforma de aprendizado sistematizado". "Traz informações do universo da cultura que normalmente não chegam para as pessoas, como o funcionamento das leis, do fomento. A maioria busca as informações na raça, errando, quebrando a cara. O livro é uma forma de aprender de maneira menos dolorosa", diz a autora.

O livro foi lançado nessa terça-feira (4), no Museu Capixaba do Negro (Mucane), durante a aula inaugural da Formação em Produção Cultural, do Projeto Produtora Escola, coordenado por Karlili. A formação é gratuita e voltada para mulheres negras e indígenas cis, trans e travestis, também pessoas não-binárias e homens trans da cultura popular.

Foram selecionados 40 participantes entre os inscritos, formando um grupo de identidades diverso, com atuação em projetos, grupos, manifestações, linguagens artísticas, coletivos, associações, comissões, instituições ou qualquer iniciativa da cultura popular (saberes, tecnologias sociais, tradições, identidades, patrimônios, memória, linguagens, ciência, intelectualidade, artes e demais manifestações da cultura que são produzidas, preservadas, mantidas e passadas de gerações em gerações).

A formação acontecerá até 27 de agosto, no Mucane. Será das 19h30 às 21h30, todas as terças e quintas-feiras. Duas aulas acontecerão nas quartas. Os temas serão políticas públicas, financiamento à cultura, produção cultural, questões contábeis, elaboração de projetos, produção cultural em projetos para povos originários e tradicionais, quilombolas, arte de rua, hip hop, samba, noções de cenografia, iluminação e sonorização e organização de eventos culturais.

Os participantes ganharão um exemplar do livro Produção Cultural – Guia de Bolso. Também terão suas passagens custeadas por meio da concessão do Cartão GV. Haverá lanche todos os dias, além do Quintal Erê, um espaço brincante para as crianças das alunas e a equipe de produção, para possibilitar a participação das mulheres nas atividades, tanto das profissionais que atuam no projeto quanto das alunas."Oferecer um espaço para as crianças é garantir a participação de pessoas que têm filhos", diz Karlili.

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 20 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/