Terça, 09 Agosto 2022

Mano Feijó lança novo single: 'Tô na febre'

mano_feijo_instagram DIvulgação

MÚSICA

Em nova música, Feijó responde sobre a abuso policial 

Na mesma semana em que foi vítima de uma abordagem policial abusiva pela recém-criada Guarda Municipal de Cariacica, o artista Mano Feijó lançou seu novo single, Tô na febre. No clipe da nova canção, gravado antes do fato, o artista canta tendo como fundo vários letreiros com títulos de reportagens justamente sobre a violência policial.

Que todas pessoas negras e periféricas possam caminhar tranquilamente pelas ruas neste país ainda tão racista. E que artistas como Feijó sejam notícia por seu trabalho nas páginas de cultura, não na seção policial por esse tipo de abuso tão cotidiano no Brasil. O refrão de Tô na febre diz:

"É bala perdida para todo lado

quem tá no poder está despreparado

a polícia só mata quem é favelado

eu quero meu povo alfabetizado"

O artista comentou o caso ocorrido em Cariacica no Instagram.

 Palestra online aborda música do Espírito Santo

Daniella Spadeto

O jornalista e escritor José Roberto Santos Neves realiza, na próxima quarta-feira (9), uma palestra online sobre discografia da música popular no Espírito Santo, que inclui abordagem historiográfica desde o período colonial até a atualidade, com destaque para as últimas sete décadas, quando a indústria fonográfica se desenvolveu e permitiu gravação dos registros sonoros com maior frequência e qualidade.

A atividade terá duração de 50 minutos e transmissão pelo YouTube da Editora Cândida, pela qual foi lançado o livro de José Roberto chamado Os Sons da Memória - Uma leitura crítica de 40 discos que marcaram época na música do Espírito Santo. Como relatou o autor em entrevista ao Século Diário, infelizmente, muitas dessas obras importantes para a música capixaba estão inacessíveis para o público.

LITERATURA

Sarau em feira livre de André Carloni

Divulgação

A Caravana Combiousa, realizada pela Kombi literária da Editora Cousa, realiza uma nova expedição no próximo dia 13, desta vez com destino ao município da Serra, mais especialmente no bairro André Carloni. No melhor estilo "lugar de poesia é na calçada", como cantava Sérgio Sampaio, o projeto vai realizar um sarau na feira livre do bairro, a partir das 9h30. Além disso, no dia 14 haverá um bate-papo sobre literatura na Escola Estadual Dom João Batista, no mesmo bairro, às 19h. Participam das ações um time de peso, composto pela atriz e escritora Suely Bispo, pelo premiado escritor Caê Guimarães, pelo poeta serrano Jânio Silva (foto), e pelo rapper Jean Luca, morador de André Carloni. A atividade é promovida pela produtora Conjunto Criativo, sediada no mesmo bairro.

POLÍTICA CULTURAL

Espírito Santo prepara criação de Film Comission

Secult

Órgão com objetivo de atrair e incentivar realização de filmes e produções audiovisuais em seu território de ação, a criação de uma Film Comission no Espírito Santos é uma das metas do convênio ES+Criativo, lançado nesta semana pela Secretaria Estadual de Cultura do Espírito Santo (Secult) em parceria com o Sebrae, em evento que contou com presença do governador Renato Casagrande na última segunda-feira (31). O anúncio chegou a surpreender os produtores audiovisuais do Estado, que se interessam pelo projeto, mas há preocupação sobre se os filmes locais terão os mesmos incentivos que filmes de fora. O convênio vai incluir palestras, cursos, meetups e ações de consultoria.

Além desta iniciativa, foram anunciadas outras sete ações do ES+Criativo: Oficinas de Capacitação "Territórios Criativos - Pré Incubação; Estudo de Territórios Criativos Metodologia de Intervenção Estruturada; Encontros Imersões da Cultura; Curso de Desenvolvimento da Música no ES; Agenda coletiva Construção da Rota Estratégica Economia Criativa; Capacitação do segmento de Design no ES; e Workshop de Capacitação Segmento de Games no ES. Mais informações aqui.

OPORTUNIDADES

Espaço cultural faz cadastro de artistas e expositores

A Guava Lab, espaço de produção artística e eventos culturais em Jardim Camburi, Vitória, realiza cadastro de artistas e expositores que se interessem em participar de atividades promovidas no local, que tem como foco a produção autoral. São dois formulários simples e online que servem para avaliação dos produtores para convite a pessoas e projetos que tenham a ver com a proposta do espaço. Além de artistas da música, carro-chefe dos eventos, também são chamados artistas de áreas como desenhos, colagens, artes digitais e afins.

DEBATE 

Grupo de estudos debate desafios da pandemia 

Depois de um recesso, o Grupo de Estudos de Políticas Culturais (Gepcult) retorna às atividades em 2022, com um debate online com o tema "Os desafios do setor cultural em uma nova onda de Covid-19". O convidados para participar são Sandra Oliveira, do bloco capixaba Afro Kizomba; Jader Moraes, jornalista do Rio de Janeiro; Israel Dias, do Grupo Tambores da Lua, da Paraíba; Daniela Patrícia do Mais Carnaval, de São Paulo; e Raphael Homem, da Escola de Samba Lins Imperial, do Rio de Janeiro. A atividade acontece dia 7 de fevereiro, às 19h30, na plataforma Jitsi Meet. "O objetivo é refletir, debater e construir caminhos para a retomada, considerando que novas restrições podem ocorrer", diz o chamado do evento. Para participar é preciso se inscrever neste link.

Outro grupo de estudos que estreia neste ano é a Roda de Estudo do Cineclube Jece Valadão, que vai de fevereiro a abril, com dois encontros por mês que vão incluir leituras, exibição e debate de filmes, com início no próximo dia 10 e formato online e gratuito. Para participar, é preciso fazer uma pré-inscrição aqui.

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários: 1

antonio calos em Quinta, 10 Fevereiro 2022 14:12

A POLÍCIA SÓ MATA FAVELADO ??????????????????? No mínimo, as Associações de Classe da PM deveriam PROCESSAR esse indivíduo na esfera PENAL e CÍVEL. APRESENTE SÓ UMA PROVA DE QUE A POLÍCIA SÓ MATA FAVELADO, IDIOTA

A POLÍCIA SÓ MATA FAVELADO ??????????????????? No mínimo, as Associações de Classe da PM deveriam PROCESSAR esse indivíduo na esfera PENAL e CÍVEL. APRESENTE SÓ UMA PROVA DE QUE A POLÍCIA SÓ MATA FAVELADO, IDIOTA
Visitante
Terça, 09 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/