Quarta, 24 Julho 2024

Pesquisador resgata estudos sobre cinco séculos de literatura no Espírito Santo

paulo_roberto_sodre_cultura Arquivo Pessoal
Arquivo Pessoal

Entre o final dos anos 1980 e o início da década de 1990, cinco escritores trabalharam em um extenso projeto sobre a história da literatura produzida no Espírito Santo, desde o período colonial até aquele momento. Entretanto, a instituição que financiava a iniciativa cortou a verba e os textos nunca foram publicados. Cerca de 30 anos depois, Paulo Roberto Sodré, professor aposentado do Departamento de Letras da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), encontrou o material esquecido, e decidiu encarar a empreitada de organizá-lo e publicá-lo.

Assim, os textos de Deny Gomes, Francisco Aurelio Ribeiro, Luiz Busatto, Oscar Gama Filho e Renato Pacheco foram reunidos nos três volumes do e-book "História da Literatura no Espírito Santo", publicado pela Edufes no último mês de dezembro. As obras, que apresentam fac-símiles dos documentos originais, estão disponíveis para download gratuito no site da editora.

Junto de Paulo Roberto Sodré, também assina a organização do material Reinaldo Santos Neves, um dos mais reconhecidos escritores do Espírito Santo, e que coordenou o projeto original de pesquisa no final do século XX.

Sodré conta que teve contato com o material em 2016, durante uma pesquisa sobre literatura satírica produzida no Espírito Santo nos anos 1920. Nas referências de um artigo acadêmico estava a indicação ao material, que ele encontrou na Biblioteca Central da Ufes. Os textos datilografados ficaram conservados em três pastas no setor de Coleções Especiais da biblioteca, onde consta que a doação ocorreu em 1992.

"Não há explicação objetiva para esse silêncio de cerca de 30 anos. É provável que o descaso ou preconceito com a cultura local por parte das instituições financeiras e o custo editorial tenham inibido Reinaldo Santos Neves de levar adiante o projeto. Provavelmente, o documento encontrado foi doado por Pacheco à Biblioteca Central, felizmente", comenta Paulo Roberto, citando um dos integrantes do projeto original já falecido

Depois da descoberta, os volumes foram digitalizados pela Biblioteca Central, e o professor pretendia publicar os textos no blog do Núcleo de Estudos e Pesquisas da Literatura do Espírito Santo (Neples), coordenado por ele entre 2017 e 2019. Com a pandemia de Covid-19, o trabalho foi interrompido, sendo retomado em 2022 e, posteriormente, havendo a publicação em 2023 pela Edufes.

Antes de publicar, Paulo Roberto entrou em contato com os pesquisadores para pedir a cessão de direitos autorais. "Ficaram felizes com a publicação, embora alguns preferissem a versão impressa e não a eletrônica. Creio que o fato de o e-book ser mais ampla e gratuitamente acessado e consultado por meio de uma editora universitária acabou minimizando a possível frustração", relata.

O professor comenta também que o lançamento dos livros é uma grande contribuição para pesquisas sobre a produção literária no Estado. "Trata-se de uma fonte fundamental para os estudos de literatura brasileira produzida aqui até os anos de 1980, seja porque traz uma abordagem historiográfica consistente (própria daquele período de execução do projeto), seja porque abrange diversos aspectos do microssistema literário local, abordando questões relacionadas à produção, publicação, divulgação e recepção daquela literatura", comenta.

Divisão dos volumes

Reprodução

No primeiro volume da obra, são abordados os temas "Brasilogia", "Barroquismo" e "Romantismo", que apresenta estudos de Oscar Gama Filho sobre as condições de desenvolvimento da literatura local durante a colonização portuguesa.

O segundo volume da coleção aborda questões sobre sátira, modernismo, poesia, ficção e crônica no Espírito Santo no começo do século XX, contando com textos de Oscar Gama Filho, Luis Busatto e Renato Pacheco.

No terceiro volume, Francisco Aurelio Ribeiro, Deny Gomes e Renato Pacheco apresentam estudos sobre prosa e poesia contemporâneas do Espírito Santo daquele período, e também sobre literatura infantil e juvenil.

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários: 4

Roberto Vasco em Sábado, 13 Janeiro 2024 10:55

Não encontrei o link para acessar ou baixar as obras

Não encontrei o link para acessar ou baixar as obras
Jacques em Sábado, 13 Janeiro 2024 13:46

Eu lhe envio os documentos, prezado Roberto Vasco! As obras são de imensa importância pelo passado histórico literário do Espírito Santo, mas ganham ênfase ainda maior nos apresentando a cobrança da responsbilidade pelo que fazemos hoje na literatura capixaba, o que será registrado amanhã como nossa contribuição à sociedade.

Eu lhe envio os documentos, prezado Roberto Vasco! As obras são de imensa importância pelo passado histórico literário do Espírito Santo, mas ganham ênfase ainda maior nos apresentando a cobrança da responsbilidade pelo que fazemos hoje na literatura capixaba, o que será registrado amanhã como nossa contribuição à sociedade.
Magnólia Medeiros de Aguiar em Domingo, 14 Janeiro 2024 09:15

Sou Presidente da AGLA - Academia Guarapariense de Letras e Artes e, sabendo da importância dessa obra sobre a Literatura do Espírito Santo, gostaria de ser informada sobre como acessar esses e-books a fim de compartilhá-los com nossos Confrades e Confreiras.

Sou Presidente da AGLA - Academia Guarapariense de Letras e Artes e, sabendo da importância dessa obra sobre a Literatura do Espírito Santo, gostaria de ser informada sobre como acessar esses e-books a fim de compartilhá-los com nossos Confrades e Confreiras.
PAULO ROBERTO FERREIRA MONTEIRO em Quinta, 18 Janeiro 2024 10:05

Sou professor no sistema prisional. Tenho interesse nas obras culturais, para o meu conhecimento e, dos meus alunos.

Sou professor no sistema prisional. Tenho interesse nas obras culturais, para o meu conhecimento e, dos meus alunos.
Visitante
Quarta, 24 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/