Segunda, 15 Agosto 2022

Secult apresenta proposta para editais de cultura em 2021

secult_es_secom Secom

POLÍTICA CULTURAL

Editais 2021 devem sair até outubro

Em reunião do Conselho Estadual de Cultura (CEC), a Secretaria de Cultura do Espírito Santo (Secult-ES) apresentou aos representantes a primeira proposta para os editais do Funcultura para 2021. O orçamento total é de R$ 11,5 milhões, um aumento de quase 11,5% em relação a 2020, quando foram investidos R$ 10,34 milhões, mas um total menor do que se chegou a investir em 2019, quando houve total de R$ 12,4 milhões. A diferença entre 2021 e 2020 se dá especialmente por conta do retorno do edital de Territórios Criativos, com R$ 1,2 milhão, que no ano passado havia sido lançado com recursos de origem federal por meio da Lei Aldir Blanc. 

O calendário aponta para a continuidade dos debates com as diferentes Câmaras que representam a cultura no CEC, com previsão de que o período de inscrições seja feito entre outubro e novembro deste ano. Uma das cobranças no conselho foi de que haja prazos também para avaliação do projetos, já que hoje os inscritos não contam com previsão para data de divulgação dos resultados.

Na transmissão da reunião do CEC, o setor do Audiovisual se manifestou em peso no chat reclamando da estagnação dos recursos pese o aumento de custos que vem ocorrendo. Representantes das artes cênicas também reclamaram. O secretário Fabricio Noronha lembrou que a Secult também está abrindo novas possibilidades de financiamento por meio da Lei de Incentivo à Cultura Capixaba (Licc), com mais R$ 10 milhões que podem ser investidos na área por meio de reversão do Imposto sobre Ciculação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para o setor cultural.

A reunião pode ser assistida na íntegra pelo YouTube.

Academia de Letras de Cariacica recebe título de utilidade pública

Além dos debates sobre os editais do Funcultura para 2021, o CEC também discutiu outros temas como patrimônio histórico e arquitetônico, prorrogação dos trabalhos da comissão que acompanha a Lei Aldir Blanc, e a concessão de título de utilidade pública para a Academia de Letras de Cariacica, que agora pode selar acordos de cooperação com o poder público.

E-book vai reunir estudos sobre políticas culturais

 

O Grupo de Estudos de Políticas Culturais (Gepcult) lançou chamado para a elaboração de um e-book sobre os temas que vêm sendo estudados de forma online entre os participantes. As inscrições para submissão de textos serão abertas no dia 20 de agosto. Os textos serão elaborados pelos integrantes do Gepcult, criado no Espírito Santo mas que inclui também pessoas de outros estados, podendo contar com co-autoria de pessoas que não fazem parte do grupo. As informações com mais detalhes serão divulgadas na página no Instagram da Ciclo Escola, uma das impulsoras da iniciativa.

Vila Velha discute criação de Distrito Criativo na Prainha

Local que marca o início da colonização do Espírito Santo, a Praia de Vila Velha pode ser transformada num Distrito Criativo, o que segundo a prefeitura se tornará um atrativo para a criatividade e inovação, fomentando atividades como cultura, gastronomia e artesanato. No dia 23 de agosto, às 19h, acontece uma reunião aberta sobre o tema no Auditório da Prefeitura de Vila Velha, em Coqueiral de Itaparica.

Everton Thiago

Vitória lança subsídio para espaços culturais

A Prefeitura de Vitória abriu edital para subsídios a espaços culturais que tiveram suas atividades afetadas pela medidas de isolamento social decorrentes da pandemia de Covid-19. Ao todo serão destinados R$ 600 mil de recursos federais oriundos da Lei Aldir Blanc. O montante faz parte do total de mais de R$ 1,5 milhão sobrantes do ano passado, quando o município não conseguiu investir o total destinado pela lei federal. As inscrições poderão ser feitas até dia 9 de setembro.

A normativa inclui locais como espaços artísticos, micro e pequenas empresas culturais, cooperativas, instituições e organizações culturais comunitárias de Vitória. Mais informações aqui

LITERATURA

Livro da 'Kombi Literária' será lançado em outubro

Está marcado para 9 de outubro o Sarau de Lançamento da Antologia Combiousa, um livro com texto de dezenas de escritores capixabas cuja venda contribuiu para a compra da Kombi que a Editora Cousa tem usado para promover a difusão literária durante pandemia, levando doações de kits de livros para bibliotecas públicas e escolares e realizando entrevistas com escritores de diversas regiões do Espírito Santo. O lançamento será ao ar livre, com apoio, é claro, da própria Combiousa, nome dado ao veículo, na Praça Ubaldo Ramalhete, no Centro de Vitória, observando as normas sanitárias vigentes.

TEATRO

Projeto resgata memória do Teatro do Oprimido no Espírito Santo

Cinco lives compõem o projeto "13 anos do Teatro do Oprimido no Espírito Santo: colhendo frutos e plantando sementes", que abordam diversos temas relacionadados ao método criado nos anos 1970 por Augusto Boal. A iniciativa busca resgatar as memórias da formação "Teatro do Oprimido na prevenção à violência e à criminalidade", que capacitou diversos multiplicadores no Estado em 2008. As conversas podem ser acompanhadas pelo Instagram do projeto. Teatro do Oprimido é um método cênico-pedagógico que se utiliza do teatro como ferramenta de trabalho político, social, ético e estético, contribuindo para a transformação social.

AUDIOVISUAL 

Site reúne animações capixabas

O Instituto Marlin Azul criou um site no qual disponibiliza um acervo de curta-metragens de animação que foram desenvolvidos com roteiro, direção e animações de crianças e adolescentes do ensino fundamental. São obras que se destacam nos 22 anos de atividades do Instituto, que agora podem ser encontradas gratuitamente no site Cine Animazul. As atividades que eram feitas de forma presencial agora também são possíveis em modo online. São sugeridas três sessões cineclubistas com coletâneas de filmes e materiais informativos e educativos sobre os filmes para subsidiar os debates posteriores. 

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários: 1

CarlosAntonioGoçalvesTeixeira em Quarta, 10 Novembro 2021 04:33

Eu,carlos Antônio
Gonçalves Teixeira "já fui um intrutor de dança a nivel nacional,e estou aqui no estado do Espírito Santo,e dando os meus parabéns para todos muito bom...

Eu,carlos Antônio Gonçalves Teixeira "já fui um intrutor de dança a nivel nacional,e estou aqui no estado do Espírito Santo,e dando os meus parabéns para todos muito bom...
Visitante
Segunda, 15 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/