Sexta, 24 Junho 2022

Vitória perde um dos principais eventos de graffiti do Brasil

origraffes_credito_dna_urbano DNA Urbano

ARTES VISUAIS 

Origraffes desiste de realizar edição em Vitória

Um dos maiores festivais de graffiti e arte urbana do Brasil e da América Latina, o Origraffes confirmou que sua próxima edição será novamente no bairro Feu Rosa, na Serra, onde teve origem. O evento aconteceria pela primeira vez em Vitória, com pinturas nos armazéns do porto, mas foi transferido por conta do caso de alteração do resultado final promulgado pela banca examinadora do edital de Artes Visuais da Lei Aldir Blanc, por ação do secretário municipal de Cultura, Luciano Gagno. Curiosamente, a crítica ao evento em Feu Rosa foi um dos argumentos usados no recurso do grupo que terminou levando o certame após parecer do secretário, o que causou indignação em grupos de grafiteiros e artistas visuais.

Divulgação

Os integrantes do FG Crew, que organiza o evento, participavam do projeto inicialmente vencedor, da Iá Studio, espaço que eles comandam no Centro de Vitória. A proposta uniu cerca de 40 artistas para participar do edital para pintura de mais de 2 mil metros quadrados no Centro. Depois da reviravolta promovida pela própria gestão municipal, ficou sem clima organizar o evento na Capital. Além de pintura de murais com mais de 100 artistas do Espírito Santo, Brasil e outros países, o Origraffes promove diversas palestras, oficinas e apresentações culturais.

POLÍTICA CULTURAL

Grito da Cultura prepara segundo ato na Praça Costa Pereira

Leonardo Sá

Investigações e explicações sobre o caso deste edital da Lei Aldir Blanc é um dos sete pontos levantados pelo Grito da Cultura, movimento que teve início com um ato em frente à prefeitura no dia 15 de março, quando protocolou uma carta com suas reivindicações ao prefeito Lorenzo Pazolini (Republicanos). O próximo passo é a realização de um ato político-cultural na Praça Costa Pereira, no Centro, no dia 16 de abril, com apresentações artísticas e reivindicações.

As outras seis exigências do Grito da Cultura ao prefeito são: nomeação de gestores qualificados para as pastas de Cultura e Juventude do município; cumprimento integral da Lei Rubem Braga, de fomento à cultura; explicações sobre a não participação da capital no programa estadual Fundo a Fundo; criação de uma comissão de organização do carnaval com participação da sociedade civil; o fim da perseguição e repressão a manifestações e espaços culturais pela Guarda Municipal; reabertura de equipamentos de juventude e fortalecimento das políticas para essa população.

MEMÓRIA

Podcast conta história de líder quilombola do Sapê do Norte

O lendário Benedito Meia-Légua, líder histórico do Sapê do Norte, território quilombola compreendido entre Conceição da Barra e São Mateus, onde ainda existem muitas comunidades remanescentes, é um dos personagens da série do podcast História Preta, realizado pelo historiador fluminense Thiago André. Conhecido por defender a liberdade do povo negro e por muito caminhar pelo território, Meia-Légua ganhou fama de ser imortal e sua história ainda viva nas comunidades ganha eco para além do Espírito Santo, embora muitos capixabas ainda não a conheçam. Fica a dica.

FOTOGRAFIA 

Comunidades quilombolas recebem oficinas de fotografia

O projeto Retratos Quilombolas realiza nas próximas semanas uma série de oficinas em comunidades quilombolas de Conceição da Barra, no Sapê do Norte. Serão contemplados o quilombo urbano de Santana, nos dias 4 e 5 de abril, e os territórios rurais de Linharinho, nos dias 6 e 7, e Coxi, 8 e 9 de abril. O resultado das oficinas será transformado numa exposição fotográfica que vai circular por Vitória, São Mateus e Conceição da Barra, com imagens feitas pelos membros das comunidades e pelos fotógrafos Flávio Veloso e Victor Treviano. A iniciativa é do coletivo Sementes da Gratidão.

Fotógrafo alemão expõe sua obra em Vitória

Divulgação
A Mosaico Fotogaleria, na Mata da Praia, inaugurou nessa sexta-feira (1) sua nova exposição Zeitgeist - Espírito do Tempo, com imagens do fotógrafo alemão Ekkehard Grote, que já expôs por vários países da Europa e Américas. É a segunda vez que ele apresenta seu trabalho em Vitória, sendo que a primeira foi nos anos 90, junto ao capixaba Tadeu Bianconi, de quem é grande mestre e incentivador. Ao todo, são 20 fotografias originais que retratam cidades, pessoas e o cotidiano em vários países. A curadoria é de André Arçari. Outra exposição fotográfica, do próprio Tadeu Bianconi, está nos últimos dias em cartaz na Casa Porto das Artes Plásticas, no Centro de Vitória. Cidades (in)visíveis pode ser visitada até o dia 6 de abril.

AUDIOVISUAL

Festival de Cinema de Vitória abre inscrições para filmes

Maior evento audiovisual do Espírito Santo, o Festival de Cinema de Vitória (FCV) vai retornar com o formato presencial depois de dois anos com edições online. A data já está fechada: de 20 a 25 de setembro, quando será realizada a 29ª edição do evento. Até 29 de abril, estão abertas inscrições para a seleção de curtas e longas-metragens que vão compor o FCV. Podem participar realizadores de todo o Brasil com obras produzidas entre os anos de 2021 e 2022. A forma de inscrição e outras informações adicionais podem ser encontradas aqui.

DRAMATURGIA

Elas Tramam oferece oficina com bolsa para mulheres LBTQIA+

O projeto de fomento à dramaturgia feminina "Elas Tramam", que já publicou três livros com produções de mulheres do Espírito Santo, seleciona participantes para seu novo projeto, o ELAS + | Tramas diversas. Estão convidadas mulheres lésbicas, bissexuais, mulheres transexuais, travestis e pessoas transfeminines (não-binárias compreendidas no espectro da feminilidade). Serão selecionadas 10 bolsistas e cinco suplentes ouvintes para participar dos laboratórios de escrita de dramaturgias, cujos resultados serão publicados no formato de ebook. As bolsistas terão apoio de R$ 150 mensais por cinco meses para participarem do projeto, que terá encontros quinzenais. Não é necessário ter experiência prévia com escrita e as inscrições podem ser feitas até o dia 8 de abril por aqui.

ESPAÇOS CULTURAIS

Novo espaço de cultura é criado em Cariacica

Venho falando aqui na coluna de novos espaços culturais independentes que surgem no Espírito Santo, a partir da iniciativa de artistas e coletivos. Outra novidade recente foi o Água Viva, inaugurado em março no bairro Vila Palestina, em Cariacica. O local funciona como loja de arte e artesanato, ateliê aberto, local para oficinas e outros eventos culturais. Mais informações no Instagram

PATRIMÔNIO 

Igreja de Reis Magos inicia restauro

Na última quinta-feira (31), foi dado início às obras de restauro da Igreja e Residência dos Reis Magos, em Nova Almeida, na Serra. Tombado em 1943 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o conjunto arquitetônico jesuíta é uma das mais antigas construções remanescentes no território capixaba, tendo sido construída entre 1580 e 1615.
Divulgação

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 24 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/