Dólar Comercial: R$ 5,27 • Euro: R$ 6,40
Sábado, 15 Mai 2021

Dados do Ideb sobre educação em Vitória desmentem prefeitura

Dados do Ideb sobre educação em Vitória desmentem prefeitura

A "Ilha da Fantasia" não resiste ao Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb): Vitória está em 53° lugar no desempenho escolar no Espírito Santo. A afirmação, divulgada esta terça-feira (4), é do vereador Roberto Martins (PTB). Ele aponta que o fracasso da educação na administração Luciano Rezende (PPS) se deve à “má gestão e investimento fraco”. 


À tarde, o vereador fez pronunciamento na Câmara de Vitória sobre o tema. O vereador afirma que, infelizmente, não causa nenhuma surpresa e “só reforça nossa determinação em denunciar as más condições de trabalho a que são sujeitos nossos professores, que já amargam arrocho salarial de mais de 28% em Vitória, além de atuar em ambientes escolares com estruturas deficientes, como vimos demonstrando em nossas blitze”. 


Ele afirma que o mau resultado de Vitória se agrava quando comparado ao orçamento per capita do município em 2017, R$ 4,4 mil, contra R$ 2, 2 mil da Serra e R$ 1, 8 mil de Vila Velha. Apesar desse disparate, Vila Velha e Serra aparecem num empate técnico com Vitória.


Também considera que o orçamento de Vitória no ano passado foi de R$ 1,6 bilhões e que o da Serra em 2017 foi de R$ 1,1 bilhão. E mesmo com um orçamento menor, há empate técnico entre as duas cidades. 


Segue raciocinando que, para quem quer ser exemplo em educação, o investimento da  administração Luciano Rezende é pequeno, de 29% do orçamento no ano passado, para a exigência legal de 25%. Como a gestão é incompetente, o resultado encontrado na pesquisa do Ideb é fácil de ser compreendido.


O vereador aponta ainda que Vitória deve aos professores e demais trabalhadores 28% de reposição salarial e que tem constatado o sucateamento das escolas municipais. 


O Ideb é o indicador que reúne dois conceitos básicos para a qualidade da educação. Um, o fluxo escolar (taxas de aprovação, reprovação e evasão obtidas no censo da educação básica) e, outro, as médias de desempenho nas avaliações Prova Brasil e Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb). O Ideb foi criado em 2007 pelo Ministério da Educação (MEC).

Veja mais notícias sobre Educação.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 15 Mai 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/