Quinta, 20 Janeiro 2022

MPA-ES participa do Encontro Unitário que reúne trabalhadores do campo, águas e florestas

 

Quarenta familiares do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA-ES) estão em Brasília para participar do Encontro Unitário dos Trabalhadores, Trabalhadoras e Povos do Campo, das Águas e das Florestas, que começou nesta segunda-feira (20).
 
Considerado o histórico pela categoria, o encontro deverá debater a atual conjuntura da agricultura no País e as reivindicações do movimento entre camponeses, pequenos agricultores familiares, posseiros, ribeirinhos, quilombolas, pescadores e indígenas.
 
Participam dos debates representantes do MPA, MST, quilombolas e indígenas das comunidades capixabas, que levam para o debate as experiências vividas com o agronegócio no Espírito Santo.
 
Serão debatidos temas como o desmonte da legislação que dificulta o reconhecimento de terras quilombolas e indígenas, o êxodo das comunidades tradicionais, o uso abusivo de agrotóxico, a coação de comunidades, entre outros. 
 
Mais de sete mil pessoas participam do Encontro Unitário dos Trabalhadores e Trabalhadoras e Povos do Campo, das Águas e das Florestas que prossegue até esta quarta-feira (22), dia em que haverá uma Marcha na Esplanada dos Ministérios com a presença de 10 mil manifestantes.
 
Lá, além das representações das comunidades tradicionais, também estarão representantes do movimento sindical como a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), a Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Fetraf), representantes da Via Campesina Brasil, o Movimento de Mulheres Camponesas (MMC), o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), Conselho Indigenista Missionário (Cimi), pastorais sociais que atuam no meio rural, como Comissão Pastoral da Terra (CPT), Cáritas, Pastoral da Juventude, entre outras. 
 
Na trajetória dos movimentos sociais do campo essa unidade somente havia ocorrido uma vez, em novembro de 1961.
 
A expectativa é que durante o evento seja construída uma unidade programática em torno de pontos comuns para avançar na construção de lutas e mobilização unitária para 2013.

Veja mais notícias sobre Meio Ambiente.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 20 Janeiro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/