Dólar Comercial: R$ 5,27 • Euro: R$ 6,22
Sábado, 19 Setembro 2020

Agressões na sede do MDB no Estado fazem Nacional suspender eleições

Agressões na sede do MDB no Estado fazem Nacional suspender eleições

Estão suspensas as eleições no MDB estadual, que estavam marcadas para a próxima sexta-feira (29), por determinação do presidente nacional do partido, Baleia Rossi, que nesta segunda-feira (25) encaminhou a decisão para referendo da Comissão Executiva. No relato, ele afirma que se trata de decisão meramente acautelatória e que tem por objetivo zelar pela sobrevivência do partido.  


“...a situação do MDB Capixaba é gravíssima (...), a sede do MDB do Espirito Santos foi alvo de uma ação autoritária e violenta que não condiz com a história democrática do partido em nenhuma parte do País”, diz o expediente de Baleia Rossi, destacando, no entanto, que o ato da Nacional não visa esvaziar o “comando judicial” que nomeou o deputado José Esmeraldo para conduzir o processo eleitoral. 


A suspensão ocorre como desdobramento de agressões verbais e ameaças registradas na última quinta-feira (21) na sede estadual do MDB. O advogado do partido, Sirlei Almeida, representante da Comissão Provisória do partido, entrou com recurso e apontou o deputado José Esmeraldo como um dos que invadiram a sede do partido.


O advogado afirmou que o deputado estadual, juntamente com o também advogado Luciano Ceoto, iniciou as agressões verbais ao chegar ao partido, na manhã de quinta-feira, intimidando funcionários e assumindo funções de forma arbitrária, extrapolando o conteúdo da liminar da Justiça que o autoriza a conduzir o processo eleitoral.


Ao decidir pela suspensão das eleições, o presidente da Nacional ressalta que “a disputa que deveria ser política e no campo das ideias, passou para as vias de fato, com agressões pessoais, o que é absolutamente inaceitável”. 


A sede do partido, localizada na Enseada do Suá, se encontra fechada desde o último sábado, a fim de evitar novas ocorrências. Sem ter como realizar a sessão para exame de registro de chapas, o deputado José Esmeraldo transferiu os  trabalhos para um hotel na Praia de Camburi. 


 “Muda MDB” e “MDB Independente”  são as duas chapas inscritas na disputa da convenção estadual do partido. A primeira, que tem à frente José Esmeraldo, articulador da candidatura do ex-deputado federal Marcelino Fraga, disputa com a “MDB Independente”, do atual presidente, Lelo Coimbra, que tenta a reeleição. O confronto entre os dois grupos vem desde maio deste ano.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 19 Setembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection