Quarta, 10 Agosto 2022

Contratações em Afonso Cláudio podem gerar colapso financeiro, denuncia vereador

vereadormarciodocda_afonsoclaudio_camara

O aumento do número de servidores por parte da gestão do prefeito de Afonso Cláudio, Edélio Guedes (MDB), é questionado pelo vereador Márcio Rosa Santos, o Márcio do CDA (PSB). Ele afirma que serão criadas 104 gratificações e convocados mais 64 profissionais de diversas áreas, além de 17 trabalhadores da saúde, aprovados em concursos já realizados. Márcio do CDA alerta que as novas contratações podem gerar um colapso financeiro no município.

Segundo o vereador, entre ticket alimentação e gasto de pessoal são investidos cerca de 60% da arrecadação geral de Afonso Cláudio. Ele relata que as gratificações e contratações não devem ser feitas em virtude da crise do petróleo, que afetará Afonso Cláudio, já que a maior parte dos recursos em caixa são provenientes do repasse do Estado oriundo da atividade petrolífera. Outro problema, aponta, é a atual crise sanitária com a pandemia do coronavírus, que, ressalta o vereador, não é a motivação das contratações dos profissionais de saúde.

Márcio do CDA relata que, futuramente, a atitude do prefeito pode fazer com que não seja possível, por exemplo, que a prefeitura possa conceder reajuste para os servidores, que já estão com defasagem salarial, aprofundando esse problema. Além disso, pode faltar recurso financeiro para investimento em outras áreas, como saúde e educação, uma vez que somente os recursos federais não são suficientes. Para ele, isso irá agravar problemas já existentes. "Em Afonso Cláudio não temos, por exemplo, um pediatra atendendo direto a população e um ortopedista que engessa", pontua.

O vereador afirma ainda que valorizar o serviço público e o servidor não é somente promover contratações. "Não é chamar de qualquer jeito, é dar condições de trabalho, estruturar um plano de carreiras e colocar metas para o servidor aposentar bem. Número de servidores não necessariamente traz eficiência para o trabalho", defende.

Para ele, a iniciativa do prefeito não foi pautada em critérios técnicos, e sim, políticos, em consonância com seus aliados na Câmara visando as eleições municipais de 2020. A abertura de mais vagas seria para beneficiar pessoas que almejam ser contempladas para, em troca, se comprometer a votar e fazer campanha para o prefeito e vereadores do seu grupo.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários: 1

Vando dornelas em Terça, 28 Abril 2020 08:07

Isso mesmo marcio. Desde quando morava ai. Fazia um excelente trabalho no setor do esporte. Pricipalmente com o handebol. E sempre esses politicos da epoca só colocavam pessoas sem capacidade na secretaria de esporte.por isso desisti. Mas nada como alguem com esse raciocinio seu para mudar isso. Parabens e sucesso

Isso mesmo marcio. Desde quando morava ai. Fazia um excelente trabalho no setor do esporte. Pricipalmente com o handebol. E sempre esses politicos da epoca só colocavam pessoas sem capacidade na secretaria de esporte.por isso desisti. Mas nada como alguem com esse raciocinio seu para mudar isso. Parabens e sucesso
Visitante
Quarta, 10 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/