Domingo, 14 Agosto 2022

Convenção do PT-PCdoB-PV altera data para ajustar lista de candidatos

neto_barros_leonardo_sa Leonardo Sá
Leonardo Sá

A data da convenção da federação formada pelo PT, PCdoB e PV, que seria realizada nessa segunda, foi alterada para quinta-feira (4), por força de ajustes na relação de candidatos, principalmente do PT, que, por ser o maior partido, ficará com a maioria dos concorrentes. O ato será realizado na Assembleia Legislativa, a partir das 19 horas e, nesta terça-feira (2), das três legendas, somente o PT não tinha completado a lista. 

O presidente estadual do PCdoB, Neto Barros, divulgou a relação e disse que, nesta fase, o jogo político fica restrito aos partidos, destacando que, por lei, essas medidas terão que ser encerradas até esta sexta-feira (5). Para ele, o ato tem que ser realizado a fim de cumprir o rito da Justiça Eleitoral, mas sem despertar grandes interesses. 

A convenção ocorre na véspera do encerramento do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral, dia 5, data na qual deverá ser protocolada a ata da reunião e a relação com os nomes dos indicados, exigência que, se não for cumprida, resultará em sua anulação. 

Coligada nacionalmente com o PSB, Rede e Solidariedade, a federação do PT, PCdoB e PV, que tem o ex-presidente Lula como candidato à presidência da República e o ex-governador paulista Geraldo Alckmin (PSB) como vice, ficou isolada no Estado nas conversas sobre as candidaturas majoritárias, governo e Senado. Teve que retirar as pré-candidaturas ao Senado de Célia Tavares e Reinaldo Centoducatte, ambos do PT, gerando insatisfaço em sua base.

Demonstração dessa situação pode ser constatada no último domingo (31), na convenção do PSB, quando o governador Renato Casagrande teve confirmada a candidatura à reeleição. O evento atraiu poucos petistas, principalmente da militância, onde se forma um ala de resistência, estimulando o voto apenas na legenda, 13.

Ao evento, compareceram o pré-candidato a deputado estadual João Coser, em companhia da vereadora de Vitória Karla, sua filha, que declararam apoio formal a Casagrande, e a presidente do partido, Jackeline Rocha, que tenta uma vaga na Câmara Federal.

A alteração da data da convenção se deve a acordos entre as correntes do PT, marcada por individualismos, ao ponto de alguns não considerarem a prioridade do partido, que é a eleição de Lula, líder disparado nas pesquisas eleitorais, apontado como único com chances de derrotar a onda fascista do presidente Jair Bolsonaro (PL). Dos três partidos, o PCdoB e o PV divulgaram a relação. O PT só irá completar os nomes na quinta-feira, horas antes da convenção.

Neto Barros, que concorre à Assembleia Legislativa, divulgou a lista do PCdoB, que, além dele, aponta para deputado estadual Maria Aparecida Alves Souza, Carmem Lúcia Gomes de Oliveira, Cristina Mello de Oliveira, Alex Sandro de Melo, José Carlos Oliveira, Eduardo Zanuncio Gonçalves e Nelcelino Brassanelli. Para deputado federal, Geiza Pinheiro Quaresma e Lucivan Hease.

O PV, por meio do seu presidente, Fabrício Machado, informou que o partido terá como candidato a deputado federal Luiz Antonio Lemos Barbosa, e, para estadual, Rita de Cassia de Souza Vieira, Alexandre Bastos Rodrigues, Bruno Basílio Fernandes de Jesus, Glecy dos Santos da Vitória, Josias José da Silva, Manoel Bezerra Santos e Sandra Martha Nogueira Frasson.

O PT não informou os candidatos. Fontes do partido disseram que até quinta-feira, horas antes da convenção, a relação estará completa. A presidente Jackeline Rocha não retornou o contato e, pelo que se sabe no mercado, concorrerão para deputado estadual Iriny Lopes (reeleição), João Coser, Julio Cezar Mendel, Maurício Abdalla e Roberto Carlos, enquanto para federal, Helder Salomão, Perly Cipriano e Jackeline Rocha.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários: 2

Ludovico Monjardim em Quarta, 03 Agosto 2022 13:23

Lembrem-se de
MAURÍCIO ABDALLA,
nosso futuro deputado estadual.

#AbdallaTáOn #LulaLáAbdallaCá

Lembrem-se de MAURÍCIO ABDALLA, nosso futuro deputado estadual. #AbdallaTáOn #LulaLáAbdallaCá
Mauro Ferreira de Rezende em Quarta, 03 Agosto 2022 19:32

Faltou na lista de candidatos à Câmara Federal do PT a candidatura "Coletiva Raça e Classe" composta por Ivo Lopes, Ilona Açucena e Manu Kisse.

Faltou na lista de candidatos à Câmara Federal do PT a candidatura "Coletiva Raça e Classe" composta por Ivo Lopes, Ilona Açucena e Manu Kisse.
Visitante
Domingo, 14 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/