Dólar Comercial: R$ 5,76 • Euro: R$ 6,72
Quinta, 29 Outubro 2020

Grupo de vereadores se organiza para fortalecer candidaturas regionais

Um movimento de renovação no cenário político do Espírito Santo começa a tomar forma na Associação das Câmaras Municipais (Ascames), entidade que reúne vereadores de todos os 78 municípios do Estado, com a bandeira de regionalizar candidaturas a deputado estadual, a fim de ampliar a representatividade no Legislativo.
 
O grupo enfrentará seu primeiro teste nas eleições deste ano, mas, independente dos resultados, já colhe frutos decorrentes de ações em conjunta, não apenas em torno de dividendos eleitorais, mas em melhorias dos processos de gestão das câmaras municipais. 
 
Embora seja uma entidade mais voltada para a área institucional, por abrigar lideranças políticas nos municípios a Ascames não pode escapa de uma atuação como instituição capaz de capitalizar votos e fortalecer candidaturas à Assembleia Legislativa. 
 
Esse fato fica demonstrado com as pré-candidaturas colocadas para as eleições deste ano. Embora pertencentes a diferentes siglas partidárias, as pretensões políticas se unem na busca do fortalecimento das lideranças municipais.
 
Neste ano, a entidade relacionou pré-candidaturas a deputado estadual de presidente de câmaras de todas as regiões do Estado: Alexandre Bastos (PSB), de Cachoeiro, Gilsinho Gomes (PMV), de Laranja da Terra, Antônio Emílio (PPS), de Nova Venécia, Alcântaro Filho (Rede), de Aracruz, e Josimar Barbosa (SD), de Colatina.
 
“O governador Paulo Hartung (MDB) recebeu, em dezembro de 2017, vereadores com a chancela da Ascames. Hoje, uma audiência com o governador não seria viável e isso demonstra a força da entidade”, lembra  um vereador para dar exemplo sobre a força da entidade. 
 
O vereador Gilsinho Lopes, presidene da Câmara de Laranja da Terra, afirma que a Ascames representa o novo na política e criticou “a cilada aprovada pela velha política, que é o Fundo Partidário e o sufocamento dos pequenos partidos”. 
 
Antônio Emílio, presidente da Câmara de Nova Venécia, destaca o fato de que a entidade conversa com todas as forças políticas, mas valoriza principalmente a lealdade ao partido de cada membro e as ações institucionais para melhorar o funcionamento dos legislativos municipais. 
 
Nesse sentido, os pré-candidatos a estadual conversam com todos os pretendentes ao governo do Estado – Paulo Hartung, Renato Casagrande e Rose de Freias, mas afirmam seguir a determinação de seus partidos. 

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 29 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection