Dólar Comercial: R$ 5,02 • Euro: R$ 6,11
Sexta, 26 Fevereiro 2021

Pazolini e Coser manifestam otimismo sobre resultado das urnas neste domingo

pazoline_coser Divulgação

Candidatos à prefeitura de Vitória que protagonizaram uma disputa acirrada este ano, João Coser (PT) e o Delegado Pazolini (Republicanos) votaram na manhã deste domingo (29) ao lado de suas respectivas vices, Jackeline Rocha (PT) e Capitã Estefane (Republicanos), manifestando otimismo em relação ao resultado das eleições ao fechar das urnas, às 17 horas. Os dois apareceram empatados na última pesquisa Ibope/Rede Gazeta, divulgada nesse sábado (28), com 50% dos votos válidos cada um.

Coser também estava acompanhado da esposa Eliana e dos filhos Karla e Luiz e votou às 10h, na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Otto Edwald Junior, no bairro Itararé. "Estou muito agradecido por todo apoio que recebemos das pessoas de Vitória durante toda esta caminhada. Agradeço muito a Deus, que permitiu que eu me colocasse novamente nessa disputa eleitoral. Fizemos uma campanha limpa, propositiva e participativa", ressaltou.
Divulgação
O petista lembrou que as duas candidaturas do segundo turno na Capital "são bem diferentes, e cabe ao povo escolher o melhor projeto que fará da nossa Vitória uma cidade mais igualitária, justa e feliz para todos". Após a votação, ele acompanhou sua vice até o domicílio eleitoral dela, localizado em Maria Ortiz. O ex-prefeito seguirá a apuração no seu comitê, localizado no bairro Jabour.

Já Pazolini votou às 11 horas, na Faculdade de Direito de Vitória (FDV), no bairro Santa Lúcia, também com agradecimento à população, e destacando uma "campanha limpa e propositiva". O delegado irá acompanhar a apuração em casa, com familiares. 
Divulgação
Em vídeo do final de campanha, Pazolini ressaltou "a construção coletiva do seu projeto, com reflexos na vida para toda cidade" e defendeu, para os próximos quatro anos, a gestão de "paz e igualdade", lema de sua campanha.

Ele terminou o primeiro turno da eleição municipal em primeiro lugar, com 30,95% do total, deixando para trás o candidato da situação, Fabrício Gandini (Cidadania), que obteve 21,12%, e foi seu principal adversário até então. Coser conseguiu avançar para o segundo turno com pouca vantagem em relação a Gandini, obtendo 21,82%, resultado que repetiu, na Capital, a polarização entre apoiadores e opositores do governo Jair Bolsonaro, debate que marcou as últimas semanas de campanha eleitoral. 

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários: 1

Éfrem em Domingo, 29 Novembro 2020 18:29

Falei que ia dar Pazolini PTralhada. Nenhuma prefeitura para esses corruPTos. Kkkkk

Falei que ia dar Pazolini PTralhada. Nenhuma prefeitura para esses corruPTos. Kkkkk
Visitante
Sexta, 26 Fevereiro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection