Dólar Comercial: R$ 5,31 • Euro: R$ 6,29
Sábado, 28 Novembro 2020

Mulheres de Baixo Guandu acusam candidato a prefeito de machismo

ato_baixo_guandu_thiago_damasceno Thiago Damasceno

Declarações públicas do ex-prefeito e candidato Lastênio Cardoso (Solidariedade) provocam polêmica no município de Baixo Guandu, noroeste do Estado, esquentando a disputa eleitoral. Nesse sábado (21), camisas pretas, balões vermelhos e palavras de ordem fizeram parte de uma manifestação de mulheres realizada nas ruas do Centro da cidade. 


O ato foi puxado pela União Brasileira de Mulheres (UBM), União de Negras e Negros pela Igualdade (Unegro) e União da Juventude Socialista (UJS) em solidariedade à Lorrany Rodrigues (PCdoB), candidata à vice-prefeita na chapa encabeçada por Eloy Avelino (PDT), que conta com apoio do atual prefeito, Neto Barros (PCdoB). Nesta segunda-feira (23), foi publicada uma nota assinada por estas e outras 10 entidades.

A polêmica fala foi registrada em vídeo em um comício aberto de Lastênio: "Não quero desfazer de ninguém, não, olha o vice deles, vamos comparar: prefeito pode ser cassado, pode renunciar, precisa se ausentar, pode até morrer. Aí quem assume é o vice". Após repercussão negativa nas redes sociais, o candidato tentou se justificar: "não me referi a todas as mulheres, mas a ela, é a minha opinião, acho que ela não tem condições de ser prefeita".

Na nota pública, as entidades lembram que Lorrany é a única mulher a participar do pleito ao executivo, já que as outras cinco chapas são formadas por dobradinhas masculinas. "Uma das características do racismo no Brasil é a subjetividade, é melífluo e gelatinoso, pois se esconde por trás de sua negação, como afirmou o escritor Clóvis Moura", dizem as organizações.

"Mulher, jovem, negra, de origem humilde, é uma legítima representante do povo, povo preto, pobre e periférico, que em função do racismo estrutural está sub-representado nós espaços de poder", reivindicaram na carta, ressaltando que Lorrany, que tem 28 anos, possui formação superior em Pedagogia e é técnica-administrativa há nove anos na gestão municipal, além de ter atuação no movimentos sociais. "Tem capacidade técnica, política, além de representatividade para ocupar o lugar de vice-prefeita, e assumir o lugar do prefeito caso haja necessidade", continua a nota.

O documento também dispara contra o ex-prefeito: "será que um candidato que deixa subentendido ser misógino, machista e preconceituoso, merece ocupar o cargo de chefe do executivo municipal?"

Durante o ato, as mulheres vestiram camisas com os dizeres: "Lugar de mulher é onde ela quiser", que foi uma das palavras de ordem junto com "machistas não passarão", e outras que também estampavam cartazes e faixas. "A passeata foi muito boa e respeitosa, tivemos algumas reações de homens que não gostaram, que apoiavam a chapa do Lastênio, mas não houve conflito", relatou Victor Negri, presidente estadual da União da Juventude Socialista.

Lorrany Rodrigues não participou do ato por conta da legislação eleitoral, porém se emocionou quando o ato passou próximo ao local onde ela fazia campanha. "As mulheres estavam unidas neste ato em solidariedade a ela e também por tudo que o fato representa para uma cidade do interior ainda tão atravessada pelo conservadorismo e pelo machismo", declarou Victoria.

Apesar das seis candidaturas existentes, os favoritos para a disputa são justamente Eloy e Lorrany, com a proposta de continuidade da gestão bem-avaliada de Neto Barros, e Lastênio Cardoso, que conta com recall de já ter sido prefeito, tendo como vice Dr. Patrick (MDB).

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários: 1

Camila em Segunda, 26 Outubro 2020 18:24

Vcs são ridículos recebem do prefeito para sujar o nome das pessoas cambada de sem informação. Para que tá feio

Vcs são ridículos recebem do prefeito para sujar o nome das pessoas cambada de sem informação. Para que tá feio
Visitante
Sábado, 28 Novembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection