Sábado, 16 Outubro 2021

​Vídeo de Eduardo Leite mexe nos bastidores da política no Estado

paulo_hartung_leonardo_sa-3 Leonardo Sá

Em meio à ferrenha disputa interna no PSDB, abrigo de significativa parcela da elite financeira e empresarial do país, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, divulgou vídeo neste início da semana que mexe nos bastidores políticos no Espírito Santo e traz à tona o nome do ex-governador Paulo Hartung (sem partido) na movimentação para as eleições de 2022.

Alinhado à ala da direita que ajudou a eleger o presidente Jair Bolsonaro, hoje na oposição, e um dos mais entusiastas defensores da terceira via na corrida presidencial, nos meios políticos Hartung é apontado como o candidato ao Senado do grupo de Eduardo Leite, que começa a tomar força com a adesão de nomes influentes na política paulistana ligados ao ex-governador Geraldo Alckmin, a quem Hartung é ligado.

Em 2018, ainda no MDB, o então governador capixaba manifestou apoio ao tucano Geraldo Alckmin na corrida presidencial, frustrando lideranças políticas no Estado e deixado para trás um rastro de esfacelamento partidário, tanto no PSDB como no MDB. Apesar de aparentemente distante da política estadual, Hartung mantém aliados na Assembleia Legislativa, na Prefeitura de Vitória e espalhados em outras gestões municipais. E há movimentação em torno do seu nome, afirmam lideranças políticas.

Apesar de ainda não haver formalizado qualquer intenção nesse sentido, nos bastidores os comentários crescem e são estimulados em decorrência de postagens em redes sociais e em espaços na mídia conservadora. Nesse contexto, Paulo Hartung está de volta à política no Estado, depois de ver frustrada a quase candidatura do apresentador de TV Luciano Huck à Presidência da República, da qual era um dos orquestradores.

Com um discurso alinhado à oposição de direita, cujo conteúdo está relacionado a interesses de poderosos conglomerados econômicos, o ex-governador representa a elite que não aceita mais Bolsonaro e quer apeá-lo do poder. Estão nesse grupo o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o senado Tasso Jereissati, além de Geraldo Alckmin e outros tucanos influentes.

O vídeo do governador gaúcho, que ganhou um manifesto favorável à sua candidatura assinado por ex-presidentes do PSDB na disputa interna com o governador Paulista, João Dória, defende que "ninguém vai roubar as cores do Brasil". Em outro trecho, ressalta: "O verde e amarelo não é do Bolsonaro, não é do Lula, o verde e amarelo é do Brasil, é dos brasileiros", concluindo com um chamamento à paz.

Os deputados Pedro Tobias e Antonio Carlos Pannunzio, signatários da carta de apoio a Eduardo Leite, afirmam no manifesto: "Hoje manifestamos publicamente nosso apoio à candidatura de Eduardo Leite nas prévias do PSDB. Eduardo tem nosso apoio porque vai unir o Brasil. Acreditamos que uma nação unida é uma nação forte. Eduardo Leite é preparado, experiente, conciliador e comunga dos ideais sólidos de todos nós, sociais democratas". 

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários: 1

Agmarcarioca amigo do mito em Quarta, 08 Setembro 2021 21:45

Onde chegou o politico capixaba video de quem,calma Sergio Meneguelli esta chegando

Onde chegou o politico capixaba video de quem,calma Sergio Meneguelli esta chegando
Visitante
Domingo, 17 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/