Sexta, 19 Agosto 2022

Votação nos bairros mostra que Luciano Rezende se estabeleceu na Classe C

Votação nos bairros mostra que Luciano Rezende se estabeleceu na Classe C

A votação dos candidatos que vão disputar o segundo turno em Vitória, Luciano Rezende (PPS) e Luiz Paulo Vellozo Lucas (PSDB) nos bairros de vitória, mostra o perfil do eleitorado de cada lado. Os votos da candidata Iriny Lopes (PT) ficaram restritos ao índice de votação que o PT tem historicamente na cidade.



Pelos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luciano Rezende (PPS), que já vinha trabalhando desde 2008 para perder o rótulo de candidato da elite, conseguiu nesta disputa consolidar sua inserção em outras áreas da cidade.



Para os meios políticos, a parceira com seu candidato a vice, Waguinho Ito (PR), que é radialista e, por isso, consegue uma penetração em várias camadas da população, ajudou na ampliação da base eleitorado do candidato.



Outro fator que pode ser detectado na análise do mapa de votação é que o trabalho do candidato sobre discussão da taxa de marinha, que foi tocado por Luciano na Assembleia Legislativa, também teve ressonância na urna. Os moradores dos bairros atingidos pela taxa, que não se resumem apenas à faixa litorânea, mas estão também na parte do maciço central da ilha, foram ouvidos na comissão criada para tentar uma conciliação sobre o assunto em nível federal.



Chama a atenção o desempenho do candidato do PPS, que em eleições passadas se concentrava na região da Praia do Canto, ter se espalhado para outros colégios da cidade. A parte continental da ilha teve uma hegemonia do candidato, com votação em colégios importantes, como Jardim Camburi, Goiabeiras, Jardim da Penha e Maria Ortiz. O candidato também teve um bom desempenho nos morros da cidade, superando o candidato tucano no Bairro da Penha, Bonfim, Santa Marta.



Luiz Paulo teve um desempenho melhor em bairros considerados de classe média a classe média alta, como Ilha do Boi, Santa Lúcia e Praia de Santa Helena. Também foi melhor em lugares em que a memória de sua administração se mostrou mais forte, como Jucutuquara, Fradinhos e Forte São João, região do candidato tucano. Também foi melhor em Bento Ferreira, Praia do Suá e na região do Centro de Vitória e bairros próximos, como Santo Antônio, Morro do Quadro, Parque Moscoso, Vila Rubim e outros.


 

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 19 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/