Sexta, 14 Junho 2024

Disputa entre Unimed e Benevix respinga em clientes de plano de saúde

cias_unimed_FotoGoogleMaps Google Maps
Google Maps

Parte dos clientes do plano de saúde Unimed Vitória receberam dois boletos de cobrança neste mês de fevereiro e não sabem qual devem pagar. Em 31 de janeiro, a Unimed enviou comunicado informando que a Benevix, administradora de benefícios, não atuaria mais na intermediação da contratação. A Benevix, por sua vez, também encaminhou informe aos usuários com sentido oposto, reafirmando que o seu contrato com a operadora de plano de saúde continuava em vigor.

Com isso, dependentes do plano de saúde vivem um impasse sobre como proceder. "O boleto novo venceu hoje [quinta, 15] e eu tive que pagar, ontem venceu o da Benevix. Meu medo é a Benevix vir com cobrança depois. Já está tão difícil pagar plano de saúde, e a gente ainda fica nesse fogo cruzado", relata a farmacêutica Angélica Almeida Mercandeli.

Ainda de acordo com Angélica, no mesmo dia em que recebeu o comunicado da Unimed sobre a mudança, ela tinha uma consulta marcada, e a sua antiga carteirinha da Benevix não funcionou. Ela, então, teve que passar por uma atualização de cadastro para que o procedimento fosse liberado.

Segundo a Unimed Vitória, os planos coletivos empresariais migraram para um regime de contratação direta com as entidades de classe parceiras Associação Comercial e Empresarial do Espírito Santo (ACE-ES) e Associação do Comércio de Bens e Serviços no Estado do Espírito Santo (ACS-ES), que antes utilizavam a Benevix para intermediar a contratação do plano com seus associados.

Ainda de acordo com a Unimed Vitória, as próprias entidades decidiram dispensar os serviços da Benevix, como forma de baratear o valor da mensalidade do plano, "diante dos aumentos nos custos da saúde privada no Brasil ao longo dos últimos anos" – conforme nota enviada a Século Diário. Com isso, a emissão dos boletos passou a ser responsabilidade da ACE-ES e da ACS-ES. Angélica, por exemplo, teve uma redução de quase R$ 300 com a alteração.

Entretanto, em uma "nota de repúdio" publicada em seu site oficial, a Benevix afirma que "possui 120 mil clientes atendidos pela Unimed Vitória e está confiante na força desses contratos firmados". O contrato com a Unimed permanece em vigor até junho de 2028, segundo a administradora, que afirma ainda que ingressou com ação judicial contra a Unimed exigindo o cumprimento do acordo, tendo obtido duas liminares favoráveis.

Em uma Assembleia Geral Extraordinária da Unimed Vitória realizada no dia 10 de julho de 2023, o diretor de Mercado, Dejair Xavier Cordeiro, informou que a Benevix assinou o nono termo aditivo do contrato com a Unimed em 2022, fazendo um aporte de R$ 15 milhões para um contrato exclusivo até 1º de junho de 2028. Apesar disso, houve um balanço negativo para a operadora do plano de saúde de R$ 6,4 milhões, entre janeiro e dezembro de 2022.

O diretor também explicou na ocasião que houve repactuação dos valores, mas a negociação ficou difícil por conta do termo aditivo assinado na gestão anterior da cooperativa. O diretor-presidente da Unimed, Fabiano Pimentel Pereira, também discursou na ocasião que o contrato com a Benevix não foi benéfico para a operadora e haveria possibilidade de rescisão contratual – conforme consta em ata da Assembleia disponível no site da Unimed.

Apesar dessas evidências de uma relação conflituosa entre a Unimed Vitória e a Benevix datadas do primeiro semestre de 2023, não foram divulgados detalhes sobre o imbróglio jurídico posterior entre as duas empresas.

Em nota para Século Diário, a Unimed Vitória informou que, "uma vez que foi encerrado o contrato com a administradora Benevix, qualquer boleto de mensalidade enviado por ela aos clientes é indevido e não deve ser pago. Juntamente com as entidades ACE-ES e ACS-ES, a cooperativa já está acionando judicialmente a administradora para evitar que os beneficiários sejam prejudicados".

Afirma também que "Caso algum cliente tenha feito o pagamento do boleto enviado pela Benevix, a Unimed Vitória orienta que faça contato com sua central de atendimento por um dos canais disponíveis: telefone (27) 99842-9341 ou e-mail . A cooperativa lamenta o ocorrido, reitera seu cuidado com os beneficiários e se compromete publicamente a manter ativas as carteirinhas de todos que estejam nessa situação, garantindo, assim, atendimento e cobertura".

Já a Benevix informou que "busca proteger o direito de seus clientes na justiça e nossos canais de comunicação estão abertos para sanar quaisquer dúvidas".

Século Diário também tentou contato com a ACE-ES e a ACS-ES, mas não obteve retorno até o fechamento desta matéria.

Veja mais notícias sobre Saúde.

Veja também:

 

Comentários: 1

Carla Bravo Bollis em Segunda, 26 Fevereiro 2024 21:00

Muito tenso isso, eu paguei o boleto de fevereiro a Benevix e após alguns dias chegou um novo boleto também do mês de fevereiro dessa ACS SAUDE .agora estou recebendo notificação de atraso de boleto dessa empresa sendo que paguei e sempre pago antecipado a benevix o meu plano de saúde, espero nao ser prejudicada ,pois tenho um filho autista que depende do plano para fazer as terapias.
fico entre a cruz e a espada ,entro em contato com a Benevix ela disse que continua com meu contrato, a unimed diz que nao . ta dificil demais

Muito tenso isso, eu paguei o boleto de fevereiro a Benevix e após alguns dias chegou um novo boleto também do mês de fevereiro dessa ACS SAUDE .agora estou recebendo notificação de atraso de boleto dessa empresa sendo que paguei e sempre pago antecipado a benevix o meu plano de saúde, espero nao ser prejudicada ,pois tenho um filho autista que depende do plano para fazer as terapias. fico entre a cruz e a espada ,entro em contato com a Benevix ela disse que continua com meu contrato, a unimed diz que nao . ta dificil demais
Visitante
Sexta, 14 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/