Sexta, 24 Junho 2022

​Espírito Santo registra aumento no número de casos de Covid

nesiofernandes_vacinaconfia_sesa Sesa-ES

Apesar de consolidar um cenário de controle de internações e óbitos, o Espírito Santo registra um crescimento de casos de Covid-19, que saltaram de 321 para 919 nas últimas três semanas, como informou o secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes, nesta terça-feira (17).

No recorte dos últimos 15 dias, o aumento soma 57%, como acrescenta o gestor. "É um cenário em que o crescimento no número de casos é um alerta, podendo fazer com que a Taxa de Transmissão (RT) chegue a ser acima de 1 no Espírito Santo, tanto na Grande Vitória quanto no interior", ressalta Nésio.

Já a positividade de testes de antígeno subiu de 1% para 7%, e os de RT-PCR, de -1% para 3%. O mês de maio, em contrapartida, é o de menor mortalidade durante a pandemia. Até o momento, foram dois óbitos. A expectativa é de que esse número não chegue a 10. 

A demanda por leitos de internação para Covid-19 é de 4,75 pacientes por dia. Quanto à cobertura vacinal, o Estado registra 90% de adultos com as duas doses e 90% de idosos com a terceira. Nesse último grupo, 46% já estão imunizados com a quarta dose. Entre as crianças de cinco a 11 anos, 51% tomaram a primeira dose e 25% a segunda. Ao todo, são 1,4 milhões de capixabas com atraso na segunda ou na terceira dose.

Nésio acredita que a redução das internações e óbitos tem feito as pessoas diminuírem a procura pela vacina, já que a média de imunização diária, que era de 22 mil por dia, caiu para 6 mil. Por isso, a gestão estadual estabeleceu a meta de, em 90 dias, alcançar 90% de cobertura vacinal para cada estrato e esquema de vacinação apto por faixa etária.

Para isso, algumas medidas serão tomadas, como 
um mutirão estadual de vacinação por mês. Outra é a realização de mutirões nos municípios e imunização em horários diferenciados em cada uma das cidades capixabas.

"Os vacinados transmitem menos o vírus, tem menos complicações depois que pegam a Covid-19. As pessoas têm todas razões do mundo para tomar vacina, seja criança, adulto ou idoso. Quem vacina adoece com menos gravidade, tem menos risco de morte", afirma o subsecretário de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, que participou ao lado de Nésio de coletiva de imprensa nesta terça-feira.

Além da menor procura por vacina, enfatiza o secretário de Saúde, a redução das internações e óbitos também faz com que haja diminuição da percepção dos sintomas. "As pessoas não suspeitam que podem estar com Covid-19 e não procuram os testes", aponta.

Estudos

O secretário também informou que serão feitos dois estudos. Um é o inquérito soroepidemiológico, para averiguar presença de anticorpos na população não vacinada e nas crianças menores de cinco anos. Também será feita uma pesquisa sobre o perfil de hesitação vacinal no Espírito Santo, um estudo qualitativo e quantitativo, que tem como um de seus objetivos descobrir, por exemplo, o porquê de as pessoas quererem se imunizar e não fazer o mesmo com as crianças, pois, segundo Nésio, há pais que tomaram vacina mas não levaram seus filhos.

Matriz

Além disso, será criada uma matriz epidemiológica. O secretário explica que não se trata de uma nova matriz de risco e que ela não determinará restrição de atividades econômicas e sociais, mas sim, ser uma forma de gestão da pandemia e de comunicação de seu comportamento para a população.

Tratamento

O gestor anunciou ainda que, em junho, será disponibilizado tratamento específico para pessoas afetadas pela Covid-19, com dois medicamentos, incorporados pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec).

Veja mais notícias sobre Saúde.

Veja também:

 

Comentários: 2

Eli em Quarta, 18 Mai 2022 06:49

As pessoas estão achando que o vírus acabou. Continuo usando máscaras e passando álcool gel nas mãos.

As pessoas estão achando que o vírus acabou. Continuo usando máscaras e passando álcool gel nas mãos.
Agmarcarioca amigo do mito em Sábado, 21 Mai 2022 19:48

Eu avisei que a vacina que o Casagrande ia ia ia comprar nao ia chegar,o mito vai mandar e voces vao aplicar

Eu avisei que a vacina que o Casagrande ia ia ia comprar nao ia chegar,o mito vai mandar e voces vao aplicar
Visitante
Sexta, 24 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/