Dólar Comercial: R$ 5,76 • Euro: R$ 6,79
Sábado, 10 Abril 2021

Governo do Estado destina 7,8 mil doses de vacina para as forças de Segurança

vacina_seguranca_twittercasao Redes sociais

Começou nesta terça-feira (6) a vacinação das forças de Segurança do Espírito Santo. Em solenidade realizada no Palácio Anchieta, o governador Renato Casagrande (PSB) anunciou que serão destinadas 7,8 mil doses para esse grupo, ou seja, toda a reserva técnica de imunizantes (cerca de 7 mil) e ainda o restante do lote mais recente da CoronaVac enviado ao Estado. A antecipação da imunização para esses profissionais foi anunciada pelo governo federal em 31 de março.

De acordo com Casagrande, o Ministério da Saúde orientou a aplicação de 800 doses, mas sua gestão optou por ampliar a quantidade. "
A vacinação das forças de Segurança não altera em nada o cronograma da fase 1 de imunização, que é de pessoas de mais idade. A reserva técnica é justamente para atender às mudanças que podem acontecer no Plano Nacional de Imunização, a exemplo da antecipação desse grupo", disse o governador.

Serão contemplados os trabalhadores envolvidos na linha de frente da Covid-19, como no atendimento e transporte de pacientes; em resgates e atendimento pré-hospitalar; e em ações de vacinação e de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com o público, independente da categoria. 

As forças de segurança pública do Espírito Santo somam 16 mil profissionais. A data para o início da imunização, recorda Casagrande, marca também o aniversário de 186 anos da Polícia Militar (PM). 

Segundo o governador, a distribuição das doses começará pelos de mais idade, descendo para os de faixa etária menor. Foram imunizados na solenidade desta terça-feira trabalhadores que representam cada uma das seguintes forças de Segurança: Polícia Militar (PM), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Civil (PC), Polícia Federal (PF), Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros.

A solenidade contou com a presença do secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes; do secretário estadual de Segurança Pública (Sesp), Alexandre Ramalho; do secretário estadual de Controle e Transparência e policial rodoviário federal, Edmar Camata; do secretário estadual de Economia e Planejamento, Álvaro Duboc; do delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda; do comandante geral da PM, Coronel Douglas Caus; do comandante geral do Corpo de Bombeiros, Alexandre dos Santos Cerqueira; e do secretário-chefe da Casa Militar, Coronel Jocarly Martins de Aguiar Junior.

Vacinação dos professores

O início da vacinação dos professores, reivindicação que tem sido feita constantemente pela categoria, sendo, inclusive, apontada por ela como pré-requisito para o retorno das aulas presenciais, foi confirmado pelo governador para 15 de abril. Entretanto, não foi informada a quantidade de doses que será destinada para esses trabalhadores nem os critérios de escalonamento.

Veja mais notícias sobre Saúde.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 10 Abril 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection