Dólar Comercial: R$ 5,47 • Euro: R$ 6,40
Quinta, 24 Setembro 2020

Servidores estaduais promovem Dia Estadual de Lutas em 1 de junho

Os servidores públicos estaduais de diversas categorias aprovaram, em assembleia geral unificada realizada nesta quarta-feira (11), a realização do Dia Estadual de Lutas em 1 de junho. Neste dia haverá paralisação geral dos serviços públicos por 24 horas em resposta à intransigência do governador Paulo Hartung (PMDB) em atender às reivindicações do funcionalismo.



As categorias profissionais pleiteiam a revisão anual dos vencimentos, visto que as perdas inflacionárias já acumulam 19,92% em dois anos; a concessão de auxílio alimentação a todos os servidores; e a realização de concurso público.



Durante a assembleia, os servidores lembraram do sucateamento dos serviços públicos promovidos na gestão de Hartung, que continua apelando para o discurso da crise para não promover melhorias tanto para os servidores quanto para a população.



Os servidores lembraram que o governador continua a beneficiar grandes empresas, com a previsão de renúncia fiscal superior à R$ 1 bilhão por ano, além de gastos milionários, chegando à R$73 milhões em propagandas.



As negativas do governo em negociar com o funcionalismo estão se refletindo em greves e mobilizações de servidores. Os servidores do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) aprovaram, também em assembleia nesta quarta-feira a deflagração de greve a partir de 1 de junho.



Já os trabalhadores da saúde iniciam, a partir da próxima segunda-feira (16) uma série de atos públicos para denunciar o descaso do governo Paulo Hartung (PMDB) com a área. Durante o mês haverá ocupações e apagões nos serviços públicos.



Nesta quinta-feira (12) acontece uma paralisação dos servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-ES). Na autarquia, os trabalhadores questionam o prazo proposto pela Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger), que prevê o realinhamento do Detran à Lei 640/2012 – que trata da promoção dos servidores – em dezembro de 2016, que é considerado muito extenso. O órgão é um dos únicos ainda não contemplados com o realinhamento.

Veja mais notícias sobre Sindicato.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 25 Setembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection