Sexta, 19 Agosto 2022

Trabalhadores da Garoto rejeitam propostas dos acordos coletivos

Trabalhadores da Garoto rejeitam propostas dos acordos coletivos

Em assembleia realizada nesta quarta-feira (18) pelo Sindicato dos Trabalhadores em Alimentação do Espírito Santo (Sindialimentação-ES), os trabalhadores compareceram em massa.



A diretoria da entidade se posicionou contra as propostas oferecidas pela Garoto/Nestlé. A multinacional que controla a fábrica capixaba ofereceu um reajuste salarial abaixo da inflação e ticket com aumento de apenas R$10. Além disso, a empresa quer limitar a Participação nos Lucros e Resultados (PLR), com a exclusão de trabalhadores que se lesionarem e tiverem que faltar ao trabalho.



Os trabalhadores confirmaram que não estão satisfeitos. O resultado da apuração mostrou que 86,25% disseram não nas Cláusulas econômicas e benefícios e 82,76% rejeitaram a proposta de Participação nos Lucros e Resultados (PLR).



Durante as reuniões realizadas entre a diretoria da fábrica e a categoria, referentes ao Acordo Coletivo 2018, o Sindicato tem promovido protestos contra a forma autoritária que a direção da Nestlé, em São Paulo, tem conduzido as negociações, sempre negando direitos e forçando um arrocho salarial contra a categoria.

Veja mais notícias sobre Sindicato.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 19 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/