Dólar Comercial: R$ 5,02 • Euro: R$ 6,11
Quarta, 03 Março 2021

Dança das cadeiras?

hudsonleal_ales Ales
Ales

Denúncias e Ações de Investigações Eleitorais em Vila Velha podem mudar a configuração da Câmara de Vereadores eleita para assumir no início de 2021. Quem avisa, pela segunda vez, é o deputado estadual Hudson Leal (Republicanos), que se candidatou a prefeito no município este ano. Na sessão desta terça-feira (8) da Assembleia Legislativa, ele retomou o assunto, agora sob apuração da promotora de Justiça Joana D'arc Calmon Tristão (32ª zona eleitoral). O caso se refere a candidaturas laranjas de mulheres por partidos para cumprir a cota de gênero, apontadas por Hudson como uma "grande armação" e "fato grave". A questão também foi denunciada, como informou o deputado, por uma cidadã, chamada Nilma Maria Guess da Silva, e ainda pelos diretórios municipais do PDT e PSB, que moveram ações, respectivamente, contra o PTB (seriam quatro candidatas) e DC (quatro candidatas) e PSL (uma candidata) e PSD (duas candidatas). Caso as ações sejam consideradas procedentes, "todas as chapas têm que cair inteira", avisa Hudson, destacando o desequilíbrio no pleito ocasionado pela medida ilegal. Os partidos investigados elegeram um vereador cada: Joel Rangel (PTB), Devacir Rabello (DC), Romulo Lacerda (PSL) e Tita (PSD). "Vai ter reviravolta em Vila Velha, torço para que a Justiça seja feita", afirmou o deputado. A essa altura do campeonato...já pensou?

Nem o próprio voto
Hudson não citou os nomes das candidatas, mas disse que, no PTB, as quatro tiveram menos de cinco votos. Uma delas – "pasmem vocês", enfatizou - não teve nenhum e o marido foi candidato a vereador por outra chapa. "Isso é flagrante", acusou.

Só um
Em mais uma situação, a candidata do PTB teve um voto e "continuou trabalhando na prefeitura", disse o deputado. "Então, foi uma chapa feita pela atual administração municipal", emendou.

De volta
Nesta terça, o deputado também pediu atenção do MP Eleitoral em relação a mulheres que têm cargos comissionados na prefeitura e saíram para se candidatar à Câmara, entrando no lugar seus cônjuges ou parentes, e vice-versa. "Acabou a eleição, voltaram no mesmo instante", denunciou. "Isso também é passível de perder a chapa inteira", complementou o deputado.

'Laranjal'
Na semana passada, ao levar o assunto ao plenário pela primeira vez, Hudson resumiu o problema como "um laranjal".

Cadeiras
O partido do deputado, Republicanos, também fez uma cadeira na Câmara de Vila Velha, com Devanir Ferreira. Já o do atual prefeito Max Filho, PSDB, duas: Osvaldo Maturano e Welber da Segurança. A Casa tem 17 vereadores.

Têtê-à-têtê
Por falar em Republicanos, o prefeito eleito de Vitória, Lorenzo Pazolini, agora ex-deputado de oposição, se reuniu com o governador Renato Casagrande nesta terça, no Palácio Anchieta. Na pauta oficial...

Têtê-à-têtê II
...o trabalho em conjunto entre Estado e Prefeitura no enfrentamento à pandemia; apoio na fiscalização de decretos; calendário escolar; segurança pública; e obras e convênios com o município, como o Portal do Príncipe, a ampliação da Terceira Ponte e a construção do Viaduto de Carapina. Já nas internas...vai saber!

Têtê-à-têtê III
Pazolini foi o penúltimo dos eleitos no segundo turno a ser recebido por Casagrande. Já passaram por lá os aliados Euclério Sampaio (DEM), de Cariacica, e Sérgio Vidigal (PDT), da Serra, faltando apenas Arnaldinho Borgo (Podemos), de Vila Velha.

PENSAMENTO:
"Às más notícias o fado dá asas, e elas voam velozes". John Dryden

Veja mais notícias sobre Socioeconômicas.

Veja também:

 

Comentários: 4

James Pesce em Terça, 08 Dezembro 2020 22:33

Ele deveria falar dos servidores do gabinete dele investigados pelo Ministério Público como fantasmas.
De um milhão gasto em campanha, sendo que apenas uma empresa de Teresina no Piauí recebeu, do Deputado 340 mil reais.

Ele deveria falar dos servidores do gabinete dele investigados pelo Ministério Público como fantasmas. De um milhão gasto em campanha, sendo que apenas uma empresa de Teresina no Piauí recebeu, do Deputado 340 mil reais.
Tiago dos Santos Neves em Terça, 08 Dezembro 2020 22:42

O MPES, e a DF deveriam investigar, pois esse senhor, que posa de santo, senhor da moralidade, foi o candidato a Prefeito de Vila Velha que mais gastou dinheiro público na campanha e obteve uma votação baixíssima, um absurdo, deveriam investigas esses gastos de campanha dele.

O MPES, e a DF deveriam investigar, pois esse senhor, que posa de santo, senhor da moralidade, foi o candidato a Prefeito de Vila Velha que mais gastou dinheiro público na campanha e obteve uma votação baixíssima, um absurdo, deveriam investigas esses gastos de campanha dele.
João Adalberto Coser em Sexta, 11 Dezembro 2020 21:27

Bom, a investigação feita pela Promotoria Eleitoral constatou que não houve a tal "fraude" que esse irresponsável, lunático, do Dep. Hudson Leal afirmou ter. Agora esse Deputado, que possivelmente foi um candidatO "LARANJA", no mínimo deveria pedir desculpas as mulheres que ele acusou. E também deve explicar onde foi parar o dinheiro do Fundo Eleitoral que recebeu para campanha dele em 2020.

Bom, a investigação feita pela Promotoria Eleitoral constatou que não houve a tal "fraude" que esse irresponsável, lunático, do Dep. Hudson Leal afirmou ter. Agora esse Deputado, que possivelmente foi um candidatO "LARANJA", no mínimo deveria pedir desculpas as mulheres que ele acusou. E também deve explicar onde foi parar o dinheiro do Fundo Eleitoral que recebeu para campanha dele em 2020.
RONALDO CHAGAS em Quarta, 16 Dezembro 2020 17:49

Este deputado é mediocre.

Este deputado é mediocre.
Visitante
Quarta, 03 Março 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection