Dólar Comercial: R$ 5,31 • Euro: R$ 6,29
Sexta, 04 Dezembro 2020

E agora?


 
Pelo andar da carruagem eleitoral do Estado, a deputada federal Rose de Freitas (PMDB) está a um pulo de levar mais uma rasteira do ex-governador Paulo Hartung (PMDB). Talvez a pior da extensa lista de maldades políticas de Hartung contra ela. Nas articulações que seguem em ritmo avançado entre o PT capixaba e o ex-governador – como divulgado por exclusividade nesta edição de Século Diário -, a deputada sobra. O arranjo coloca na mesma chapa Hartung candidato ao governo; o ex-prefeito João Coser ao Senado; e a vice com o PDT. Ou seja, seca a candidatura de Rose ao Senado. Logo ela, que vinha com toda sede ao pote, ignorando o histórico de desavenças que tem com o ex-governador. Até agora, a deputada venceu os últimos embates e conseguiu emplacar seis mandatos na Câmara, com Hartung em seu encalço. O cenário atual é diferente. Caso as movimentações se confirmem, Rose será obrigada a tentar a reeleição. A essa altura do campeonato, com poucas possibilidades. Vai confiar, vai...
 
E agora II?
Quem também vai pode perder o rumo de casa é o tucano Luiz Paulo Vellozo Lucas, cotado para ser o candidato ao Senado no caso de Coser entrar no páreo. 
 
Negou
Por falar em Rose, o prefeito de Laranja da Terra, Joadir Lourenço Marques (PSDB), rebate informação publicada na coluna. Diz que não esteve com a deputada, nem apoia a candidatura de Hartung ao Palácio Anchieta. Registrado.
 
Faz-me rir
Anunciada a suspensão do pedágio da Terceira Ponte, a classe política em peso entra em campo para reivindicar a paternidade dos movimentos que culminaram com a decisão. Mas só há um pai nesse caso: as ruas.
 
Faz-me rir II
Os deputados estaduais, então, nem se fala. Até a deputada estadual Janete de Sá (PMN), batizada de traíra das ruas, subiu à tribuna da Casa nesta terça para falar maravilhas do fim da cobrança. A trajetória de Janete: era contra o pedágio - com direito a sentar no meio de manifestantes para apoiar a causa -, do nada assumiu o outro lado da moeda, e agora comemora a decisão de Casagrande. Virou a casaca três vezes. Esse título ninguém te toma, deputada!



Na rede

Casagrande, aliás, fez o anúncio, primeiro, pelas redes sociais. No Facebook e Twitter, onde já tinha páginas, e no Instagram, ferramenta que o governador estreiou nesta terça, para divulgar a suspensão do pedágio. 
 
Pegou
Depois do deputado estadual Euclério Sampaio (PDT), o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Domingos Taufner, resolveu adotar visual novo. Moda?
 
Já perdi a conta
Publicados no Diário Oficial os atos de criação de mais duas frentes parlamentares na Assembleia. Uma “em defesa da família” e outra sobre o pedágio de Iconha, sul do Estado. A primeira, óbvio, é ideia do deputado estadual Esmael Almeida (PMDB). Já a segunda é obra do presidente da Casa, Theodorico Ferraço (DEM), que tem reduto eleitoral pra aquelas bandas de lá. Ano de eleição é assim.  
 
Aiai...
A propósito, Esmael conseguiu emplacar mais uma na área onde tem votos. O governador Renato Casagrande decretou lei que reconhece a música gospel e seus eventos como manifestação cultural. Oi?????
 
Homenagem
O plenário da Assembleia Legislativa fez um minuto de silêncio para o colega jornalista João Carlos Torezani, na sessão da tarde desta terça-feira (22). Joãozinho morreu na última quinta, vítima de câncer. Deixa saudades.
 
140 toques
“Anunciei agora a decisão de suspender a cobrança de pedágio na Terceira Ponte. Agora, vamos analisar que outras medidas podem ser tomadas”. (Governador Renato Casagrande – no Twitter).
 
PENSAMENTO:
“O povo na rua é minha verdadeira estátua. A outra estátua, de cimento armado, não me interessa porque passarinho faz cocô na cabeça”. Ulysses Guimarães

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 04 Dezembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection