Dólar Comercial: R$ 5,62 • Euro: R$ 6,67
Segunda, 26 Outubro 2020

Investimento milionário da Garoto contrasta com desvalorização do trabalhador

garoto_interna_divulgacao Divulgação

O anúncio de investimento milionário feito pela Chocolates Garoto para os anos de 2020 e 2021 contrasta com a política de desvalorização do trabalhador executada desde a compra da tradicional fábrica capixaba pela multinacional Nestlé, a maior empresa de alimentos do mundo há uma década. 

Serão aplicados R$ 200 milhões em ampliação e modernização da fábrica em Vila Velha, segundo comunicado feito em solenidade virtual realizada nessa terça-feira (8), no dia do aniversário da capital Vitória, com a presença do governador Renato Casagrande (PSB); do secretário de Governo, Tyago Hoffmann; do secretário de Desenvolvimento, Marcos Kneip; do secretário de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca, Paulo Foletto; da presidente da Federação das Indústrias (Findes), Cris Samorini; do presidente da Espírito Santo em Ação, Fábio Brasileiro; e do vice-presidente da Fibrasa, Léo Castro. 

Em contraste com a pompa do evento, em reunião com o Sindicato dos Trabalhadores em Alimentação do Espírito Santo (Sindialimentação/ES) nesta quarta-feira (9), a direção da empresa insiste na tentativa de cortar pela metade o valor do ticket-alimentação dos empregados e em não pagar a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) de 2019.

"É ótimo que ela faça investimentos no Espírito Santo, que transforme a empresa em 4.0, mas o mínimo a fazer ao investir é valorizar os trabalhadores que sustentam, que são o pilar dessa fábrica!", reivindica a presidente do sindicato, Linda de Morais.

"Esse ticket é um salário indireto e atinge diretamente a mesa do trabalhador, a família. Os cargos de gerente, de gestor não têm. Vai atingir aquele pessoal para quem o ticket faz uma diferença enorme no final do mês, vai cortar na carne de quem mais precisa", explica a sindicalista.

Na nova etapa da longa negociação dos acordos coletivos, o sindicato abriu mão da integralidade da correção do ticket pelo INPC [Índice Nacional de Preços ao Consumidor], apresentando, como contraproposta, a correção com apenas metade do índice, mas sobre o valor atual, além de não abrir mão do PLR. "Que entregue ao trabalhador a parte que lhe é de direito", enfatiza.

O investimento

Os investimentos anunciados, informa a Garoto, incluem o lançamento de novos itens de portfólio e a modernização e ampliação da fábrica em Vila Velha. A planta local vai receber um novo prédio para abrigar duas novas linhas de produção. Uma delas será dedicada à fabricação da caixa amarela de bombons da marca e outra linha para produção de itens para acondicionar os chocolates em embalagens para varejo. Com o início dessas operações, previsto para o primeiro semestre de 2021, a empresa promete a geração de 70 novos postos de trabalho.

Já a modernização da unidade fabril atende ao conceito de indústria 4.0 e, segundo a Garoto, visa torná-la mais digital e conectada.

"Para as novas linhas que vamos inaugurar em 2021, por exemplo, vamos trazer tecnologias inéditas para fábricas de chocolate na América Latina, com uso de internet das coisas (iOT) e big data para monitoramento e manutenção das operações. Foi um projeto totalmente concebido com esse conceito de transformação digital desde o princípio, declarou, na ocasião, o vice-presidente de Chocolates da Nestlé e Garoto, Liberato Milo.

A Garoto

A Chocolates Garoto, localizada em Vila Velha (ES), é uma das 10 maiores fábricas de chocolates do mundo e uma das unidades mais rentáveis da gigante Nestlé. A empresa conta hoje com um portfólio de aproximadamente 70 produtos e tem cerca de 1,3 mil empregados.

Com rejeição de 96%, trabalhadores dizem não à proposta da Nestlé

Trabalhadores que participaram do plebiscito desta quarta-feira (12) votaram contra a proposta da Nestlé de reduzir a Participaç&at
https://www.seculodiario.com.br/sindicato/com-rejeicao-de-96-trabalhadores-dizem-nao-a-proposta-da-nestle

Veja mais notícias sobre Economia.

Veja também:

 

Comentários: 19

Bruno em Quarta, 09 Setembro 2020 17:57

É totalmente contraditório a empresa receber um investimento milionário e mesmo assim retirar direitos de quem gera toda sua riqueza que são seus trabalhadores, ainda mais de seu pão de cada dia! Crueldade pura!

É totalmente contraditório a empresa receber um investimento milionário e mesmo assim retirar direitos de quem gera toda sua riqueza que são seus trabalhadores, ainda mais de seu pão de cada dia! Crueldade pura!
Thatyane em Quarta, 09 Setembro 2020 17:59

Uma empresa que só cresce e anuncia investir milhões as custas dos trabalhadores, mostra total desvalorização e quer cortar 50% do ticket alimentação, causando indignação e revolta a todos, até os familiares são afetados, Nestlé miserável e pirracenta ????

Uma empresa que só cresce e anuncia investir milhões as custas dos trabalhadores, mostra total desvalorização e quer cortar 50% do ticket alimentação, causando indignação e revolta a todos, até os familiares são afetados, Nestlé miserável e pirracenta ????
ElifasVOX em Quarta, 09 Setembro 2020 18:00

Essa é a paga que quer dar àqueles que fazem o seu lucro - desvalorização e ingratidão ; A Nestlé lucrou mais que nunca nessa pandemia e está querendo tirar o alimento da mesa de seus trabalhadores. Vai ter luta! Empresa mesquinha.

Essa é a paga que quer dar àqueles que fazem o seu lucro - desvalorização e ingratidão ; A Nestlé lucrou mais que nunca nessa pandemia e está querendo tirar o alimento da mesa de seus trabalhadores. Vai ter luta! Empresa mesquinha.
polyana magri em Quarta, 09 Setembro 2020 18:05

Nestlé só quer lucrar e explorar o trabalhador. Os mesmos produzem, entregam as metas estabelecidas, colocam suas vidas em risco no pico da pandemia e na hora de valorizar ela simplesmente quer tirar o pão de cada dia do trabalhador. Quer lucrar cada vez mais nas custas do trabalho escravo.
#VaiTerLuta
#NaoAoCorte
#TiraAtesouraDaMao

Nestlé só quer lucrar e explorar o trabalhador. Os mesmos produzem, entregam as metas estabelecidas, colocam suas vidas em risco no pico da pandemia e na hora de valorizar ela simplesmente quer tirar o pão de cada dia do trabalhador. Quer lucrar cada vez mais nas custas do trabalho escravo. #VaiTerLuta #NaoAoCorte #TiraAtesouraDaMao
Mara Lira em Quarta, 09 Setembro 2020 18:06

Uma vergonha uma empresa multinacional como a Nestlé se aproveitar desse momento em que a população sofre com a pandemia e mesmo lucrando ainda tentar tirar o pão de centenas de famílias de trabalhadores que construíram seu lucro.

Uma vergonha uma empresa multinacional como a Nestlé se aproveitar desse momento em que a população sofre com a pandemia e mesmo lucrando ainda tentar tirar o pão de centenas de famílias de trabalhadores que construíram seu lucro.
Jeferson Mancini em Quarta, 09 Setembro 2020 18:07

Para uma empresa "gigante" do mercado, fica muito feio dizer no slogan "Nestlé faz bem", quando na verdade para os trabalhadores ele se nega a pagar uma PLR digna e ainda quer retirar 50% do ticket. Nestlé faz bem a quem??? Valorize seus trabalhadores!!!!

Para uma empresa "gigante" do mercado, fica muito feio dizer no slogan "Nestlé faz bem", quando na verdade para os trabalhadores ele se nega a pagar uma PLR digna e ainda quer retirar 50% do ticket. Nestlé faz bem a quem??? Valorize seus trabalhadores!!!!
Gabriel Simões Martins Coelho em Quarta, 09 Setembro 2020 18:13

E uma empresa exploradora de mão de obra, quer crescer explorado pais e mães de famílias, não valoriza seu trabalhador só pensa em corta seus direitos e benefícios e um absurdo, mas na mídia que pagar de boa empresa.

E uma empresa exploradora de mão de obra, quer crescer explorado pais e mães de famílias, não valoriza seu trabalhador só pensa em corta seus direitos e benefícios e um absurdo, mas na mídia que pagar de boa empresa.
Elzineia em Quarta, 09 Setembro 2020 18:22

Nestlé está se mostrando uma empresa de pura maldade, só visa lucro, e na hora de mostrar reconhecimento aos seus trabalhadores vem com proposta de cortes, não reconhece o esforço e dedicação dos trabalhadores..
Vergonha a grande empresa, que de Grande não tem nada, é hipócrita, desumana, egoísta e maldosa..
Tirando pela metade alimentação da mesa de seus trabalhadores..

Nestlé está se mostrando uma empresa de pura maldade, só visa lucro, e na hora de mostrar reconhecimento aos seus trabalhadores vem com proposta de cortes, não reconhece o esforço e dedicação dos trabalhadores.. Vergonha a grande empresa, que de Grande não tem nada, é hipócrita, desumana, egoísta e maldosa.. Tirando pela metade alimentação da mesa de seus trabalhadores..
Maria Eduarda em Quarta, 09 Setembro 2020 18:30

Nossa que é isso, uma empresa tã0 grande cortando a alimentação de seus trabalhadores? #vergonhamundial

Nossa que é isso, uma empresa tã0 grande cortando a alimentação de seus trabalhadores? #vergonhamundial
Carlos Pinto em Quarta, 09 Setembro 2020 18:55

A GIGANTE nestlé faz campanhas divulgando o quanto a empresa está crescendo, investindo e isso as custas da alimentação do trabalhador, propondo retirar 50% do ticket alimentação e se negando a pagar plr que já havia sido negociado antes da pandemia.
Uma verdadeira falta de respeito em querer tirar o pão da mesa do trabalhador que produz sua riqueza.

A GIGANTE nestlé faz campanhas divulgando o quanto a empresa está crescendo, investindo e isso as custas da alimentação do trabalhador, propondo retirar 50% do ticket alimentação e se negando a pagar plr que já havia sido negociado antes da pandemia. Uma verdadeira falta de respeito em querer tirar o pão da mesa do trabalhador que produz sua riqueza.
FABIANE GOMES CARDOSO LIMA em Quarta, 09 Setembro 2020 18:59

Inadmissível e vergonhoso o tamanho da crueldade que ela faz com os que a cada dia faz ela crescer e ser reconhecida mundialmente .Uma Fábrica que um dia foi de sonhos e hoje vira um grande pesadelo. Não reconhecer o trabalho dos seus funcionários, e insistindo em retiradas .50% do pão nosso de cada dia .Absurdo.
NESTLÉ #vai ter luta
#vai ter resistência

Inadmissível e vergonhoso o tamanho da crueldade que ela faz com os que a cada dia faz ela crescer e ser reconhecida mundialmente .Uma Fábrica que um dia foi de sonhos e hoje vira um grande pesadelo. Não reconhecer o trabalho dos seus funcionários, e insistindo em retiradas .50% do pão nosso de cada dia .Absurdo. NESTLÉ #vai ter luta #vai ter resistência
Samuel Reis em Quarta, 09 Setembro 2020 19:07

Essa conta não bate com a realidade , a empresa creceu na pandemia , ela cada vez mais potente no mercado ela é uma das maiores no ramo de alimento no mundo , contra partida querem cortar no alimento do seus funcionários ...
#TomaVergonhaNestlé

Essa conta não bate com a realidade , a empresa creceu na pandemia , ela cada vez mais potente no mercado ela é uma das maiores no ramo de alimento no mundo , contra partida querem cortar no alimento do seus funcionários ... #TomaVergonhaNestlé
Estavam Reis em Quarta, 09 Setembro 2020 19:08

#NestléVergonhaAlheia

#NestléVergonhaAlheia
Alex Sampaio em Quarta, 09 Setembro 2020 19:19

A NESTLÉ NÃO valoriza o TRABALHADOR ELA SÓ PENSA NELA A CRUEL.
VAI TER LUTA
VAI TER RESISTÊNCIA

A NESTLÉ NÃO valoriza o TRABALHADOR ELA SÓ PENSA NELA A CRUEL. VAI TER LUTA VAI TER RESISTÊNCIA
Rosiane em Quarta, 09 Setembro 2020 19:33

Isso aí Nestlé divugando o quanto está crescendo,mais a realidade aqui é outra só quer saber de lucrar e lucrar desvalorizando o trabalhador querendo corta 50% do ticket de alimentação,negando apaga a PLR cruel e vergonhoso

Isso aí Nestlé divugando o quanto está crescendo,mais a realidade aqui é outra só quer saber de lucrar e lucrar desvalorizando o trabalhador querendo corta 50% do ticket de alimentação,negando apaga a PLR cruel e vergonhoso
CLAUDIO LUIS DE CARVALHO LOREDO em Quarta, 09 Setembro 2020 20:26

Assim funciona uma empresa capitalista: prejuízo se divide, lucro se concentra nas mãos dos donos.

Assim funciona uma empresa capitalista: prejuízo se divide, lucro se concentra nas mãos dos donos.
José Carlos Auto de Alencar em Quarta, 09 Setembro 2020 21:06

Maia um demonstração da perversidade do sistema capitalista que só quer aumentar seus lucros a custa da classe trabalhadora. Todo o nosso apoio ao movimento e a luta dos trabalhadores da empresa contra contra essa opressão

Maia um demonstração da perversidade do sistema capitalista que só quer aumentar seus lucros a custa da classe trabalhadora. Todo o nosso apoio ao movimento e a luta dos trabalhadores da empresa contra contra essa opressão
Renato Figueiredo em Quinta, 10 Setembro 2020 02:22

Pois é, essa conta não bate, muita covardia o que estão querendo fazer com os trabalhadores da chocolates garoto, onde ela prega sempre o bem estar e a boa alimentação, e é isso justamente o que ela está querendo fazer, reduzir pela metade o poder de compra daquele que tanto contribui para o seu crescimento, uma vergonha uma empresa que prega sempre compliance em alimentação, e tira do bolso de seu trabalhador 50% de seu poder de compra, muito revoltante essa situação......

Pois é, essa conta não bate, muita covardia o que estão querendo fazer com os trabalhadores da chocolates garoto, onde ela prega sempre o bem estar e a boa alimentação, e é isso justamente o que ela está querendo fazer, reduzir pela metade o poder de compra daquele que tanto contribui para o seu crescimento, uma vergonha uma empresa que prega sempre compliance em alimentação, e tira do bolso de seu trabalhador 50% de seu poder de compra, muito revoltante essa situação......
LAYSON LUIZ DA SILVA RODRIGUES em Quinta, 10 Setembro 2020 15:48

É uma total covardia com o TRABALHADOR , RIQUEZAS em que os Trabalhadores fazem parte e a NESTLE que tem lucro enorme , não pode dividir com quem faz parte disso ? E Ainda insiste em cortes , cadê a valorização e o reconhecimento , a família do trabalhador precisa disso !

É uma total covardia com o TRABALHADOR , RIQUEZAS em que os Trabalhadores fazem parte e a NESTLE que tem lucro enorme , não pode dividir com quem faz parte disso ? E Ainda insiste em cortes , cadê a valorização e o reconhecimento , a família do trabalhador precisa disso !
Visitante
Segunda, 26 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection