Dólar Comercial: R$ 5,56 • Euro: R$ 6,58
Sábado, 24 Outubro 2020

​'Chicão' reassume em Conceição da Barra mas continua inelegível

chicao_dionisio_retorno_divulgacao Divulgação

Apesar de ter reassumido as funções nesta sexta-feira (25), o prefeito eleito de Conceição da Barra, Francisco Bernhard Vervloet, o "Chicão" (PSB), continua inelegível. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, decidiu na última quarta-feira (23) pela anulação da cassação do mandato, no entanto, estão mantidas as suspensões dos direitos políticos dele e do seu vice, Jonias Dionisio (Pros).

Com o impedimento à reeleição de Chicão, o cenário eleitoral no município favorece o empresário Toninho Baromeu (Patriota), que conta com o apoio de lideranças do PSB, entre elas o deputado federal e secretário de Estado da Agricultura, Paulo Foletto. O presidente da Câmara e ex-prefeito interino, Mateusinho Vasconcelos (PTB), também continua no páreo e, antes de entregar o cargo a Chicão, já antecipou o pagamento dos servidores.

A cassação ocorreu depois que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES) entendeu que Chicão, quando era secretário de Assistência Social do município, incorreu em uma conduta proibida ano eleitoral, em 2016. Ele esteve à frente de um programa social que oferecia cursos profissionalizantes gratuitos à população. 

Ele foi eleito pelo PSDB, filiando-se ao PSB em fevereiro deste ano. O município passaria por eleição suplementar, prevista para junho desse ano, mas esta foi suspensa pelo TRE em decorrência da pandemia. Em consequência, Mateusinho foi mantido no cargo até Chicão reassumir as funções.


Apesar dos problemas judiciais, 
"Chicão" e Jonias Dionisio foram lançados candidatos a prefeito e vice-prefeito do município, em convenção do PSB no último dia 15, com a participação do Progressistas e Podemos. Mas seguem em ficha suja, dependendo de outra decisão favorável para participarem da eleição de 15 de novembro. Situação parecida com a do ex-prefeito Manoel Pé de Boi (Cidadania), que também aguarda liberação da Justiça Eleitoral para concorrer.

Manoel Pé de Boi fica inelegível por não prestar contas da campanha de 2018

O ex-prefeito de Conceição da Barra justificou que a notificação foi recebida por uma pessoa estranha e reafirma candidatura
https://www.seculodiario.com.br/politica/manoel-pe-de-boi-ficainelegivel-por-nao-prestar-contas-da-campanha-de-2018

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 24 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection