Dólar Comercial: R$ 5,62 • Euro: R$ 6,67
Sábado, 24 Outubro 2020

​Rede, PT e PCdoB formam frente em Vila Velha com Rafael Primo na cabeça

rafael_nunes_redes_sociais_leonardo_sa Redes sociais/Leonardo Sá
Redes sociais/Leonardo Sá

Rede, PT e PCdoB caminharão juntos em Vila Velha nas eleições municipais de 15 de novembro. O candidato a prefeito da Rede, Rafael Primo, anunciou nessa quinta-feira (17) o ex-deputado estadual José Carlos Nunes, do PT, como vice em sua chapa, formando a Frente Popular Democrática, que conta ainda com o PCdoB. 

Após muita negociação, Nunes desistiu da candidatura a prefeito, decisão que foi confirmada depois da anunciada polarização entre o atual prefeito, Max Filho (PSDB), e o ex-deputado federal Neucimar Fraga (PSD), cuja candidatura foi confirmada também na quinta-feira.

Os dois candidatos à prefeitura são apontados por lideranças políticas com acesso a pesquisas para consumo interno como as duas maiores densidades eleitorais no município, estimativa que inclui ainda o vereador Arnaldinho Borgo (Podemos), também candidato a prefeito.

A Frente Popular Democrática surge depois de anunciadas as candidaturas mais à direita e à extrema direita na Grande Vitória. Essa aliança no campo progressista dá o tom da nacionalização da política, que na disputa deste ano é considerado fator essencial, tendo em vista a necessidade de oposição ao governo de Jair Bolsonaro.

"Creio que há poucas cidades com esse arranjo. Frente ao retrocesso que é o governo Bolsonaro, se omitir é ser conivente. Tudo que é decidido em Brasília tem reflexo imediato aqui na nossa cidade. A ideia é formar uma parceria em torno de um projeto democrático e popular, na defesa de uma Vila Velha inclusiva, com políticas públicas eficientes e focadas para aqueles que mais precisam", destaca Rafael Primo.

Já Nunes, ex-candidato a prefeito pelo PT afirma: "Não tenho dúvida de que Rafael tem talento, capacidade política e empatia para representar esse projeto. Ele tem experiência no setor privado e é muito trabalhador. O importante é que vemos nele não só um discurso bonito, mas a prática do que a gente tanto quer: renovação e transformação de Vila Velha".

Rafael Primo foi lançado pela cúpula da Rede no Espírito Santo, o prefeito da Serra, Audifax Barcelos, e o senador Fabiano Contarato, como um dos nomes para manter o partido em evidência na Grande Vitória, dentro da estratégia visando as eleições gerais de 2022. O outro é o vereador Fábio Leite, candidato de Audifax na Serra.

Estreante em disputas majoritárias, ele diz que "está político", ressalvando, porém, que tem autonomia, "livre de acordos". Rafael Primo é presidente do partido em Vila Velha, é especialista na área de tributos e com experiência no mercado financeiro. Focado na inovação, desenvolvimento e impacto social, se eleito pretende, além de incentivar a inovação, melhorar os níveis de arrecadação, incluindo uma revisão do Plano Diretor Municipal (PDM).

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários: 2

RONALDO CHAGAS em Sábado, 19 Setembro 2020 18:42

A velha politica disfarçada de um nome ainda desconhecido...mas fácil lembrar de um ex vereador da cidade, que rodou o norte do estado, depois foi secretário de Rodney Miranda, saindo precocemente da administração, após indícios de irregularidades em contratos. Titio pode até ter ser gente boa, mas sabe manipular alguns seguimentos.

A velha politica disfarçada de um nome ainda desconhecido...mas fácil lembrar de um ex vereador da cidade, que rodou o norte do estado, depois foi secretário de Rodney Miranda, saindo precocemente da administração, após indícios de irregularidades em contratos. Titio pode até ter ser gente boa, mas sabe manipular alguns seguimentos.
Paulo Pena em Domingo, 27 Setembro 2020 12:23

Falou falou e não disse nada. Não existe velha política. O que existe são políticos velhos.

Falou falou e não disse nada. Não existe velha política. O que existe são políticos velhos.
Visitante
Domingo, 25 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/

No Internet Connection