Segunda, 27 Setembro 2021

Casos de Covid-19 em Viana caem de 18 para quatro por dia

viana_vacinacao_CreditosPrefeituraDeViana Prefeitura de Viana

O início do projeto "Viana Vacinada" reduziu os casos de Covid no município de 18 para quatro por dia, como informou nesta segunda-feira (5) o prefeito Wanderson Bueno (Podemos). A pesquisa, que busca medir a eficácia de meia dose da vacina AstraZeneca (Oxford/Fiocruz), imunizou a população entre 18 e 49 anos, que não integram os grupos prioritários.

O assunto foi abordado em coletiva de imprensa realizada com a participação, também, do secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes, e do subsecretário de Vigilância Sanitária em Saúde, Luiz Carlos Reblin.

Wanderson Bueno também destacou que houve queda na procura por serviços municipais de Saúde para casos de Covid-19. "A tendência que podemos encontrar nos próximos dias é de redução de casos, letalidade e ocupação de nossas redes hospitalares", diz.

Nésio acredita que Viana pode ser a primeira cidade do Brasil a atingir a imunidade coletiva com duas doses, em agosto. O município alcançou 96% de cobertura vacinal em primeira dose no último final de semana, quando foi atingida a marca de 120 mil pessoas vacinadas por meio da pesquisa. Essa porcentagem contempla a imunização feita de forma convencional e a realizada por meio do "Viana Vacinada".

Para chegar a esse número, Wanderson Bueno relata que os agentes comunitários de saúde atuaram em domicílio para garantir a vacinação no final de semana passado. Ele recorda que essa estratégia foi adotada pela gestão municipal em outros momentos, como no início da campanha, para vacinar os idosos.

O "Viana Vacinada" realizou a primeira imunização em um mutirão no dia 13 de junho. O estudo é realizado por pesquisadores do Hospital Universitário (Hucam) e da Fundação de Oswaldo Cruz (Fiocruz), além de apoiado pela Organização Panamericana de Saúde (Opas) e Ministério da Saúde. 

Os participantes recebem as duas doses, com intervalo de 12 semanas entre elas, de metade da dose padrão. A segunda dose, informou Nésio, será oferecida em oito de agosto.

Veja mais notícias sobre Saúde.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 27 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/