Sexta, 21 Junho 2024

Autor dos ataques a duas escolas em Aracruz é preso

atirador_escolas_aracruz_reproducao_redes_sociais Reprodução/Redes Sociais

(Atualizado às 14h45) O suspeito dos disparos em duas escolas de Aracruz, norte do Estado, foi preso na tarde desta sexta-feira (25). As informações iniciais são de que teria sido em sua residência, no mesmo bairro das unidades, em Coqueiral de Aracruz Os crimes aconteceram no Centro Educacional Praia de Coqueiral (antigo Darwin) e na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Primo Bitti, deixando três mortos e pelo menos nove feridos.

O governador Renato Casagrande (PSB) afirmou, em suas redes sociais: "Nossas equipes de segurança alcançaram o autor do atentado que, covardemente, atacou duas escolas em Aracruz pela manhã. Decretei luto oficial de três dias em sinal de pesar pelas perdas irreparáveis. Continuaremos apurando as motivações e, em breve, teremos novos esclarecimentos".

Reprodução/Redes Sociais

Equipes das secretarias de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) e de Educação (Sedu) estão no município. No final da manhã, a Secretaria de Estado de Segurança (Sesp) informou o deslocamento do secretário, coronel Márcio Celante, para o local. "A Polícia Civil, a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros Militar e outros órgãos atuam no atendimento das vítimas e diligências para localização dos suspeitos", complementou. 

Em suas redes sociais, o governador lamentou o fato e prestou solidariedade às famílias e à comunidade local. "Com sentimento de pesar e muita tristeza, estou acompanhando de perto a apuração da invasão das escolas Primo Bitti e no Centro Educacional Praia de Coqueiral,, em Aracruz. Todas as nossas forças de segurança estão empenhadas. Determinei o deslocamento dos secretários de Segurança e Educação para acompanhar os trabalhos", informou no final da manhã. 

Um áudio atribuído ao Capitão Alexandre, do 5º Batalhão da PMES, compartilhado nas redes sociais de escolas e da imprensa, dá conta de que o autor dos crimes é um adolescente, aluno do turno da tarde do colégio Primo Bitti, que teria entrado na escola estadual e em seguida na particular, armado com uma pistola e vários carregadores. 

Na Primo Bitti, os disparos começaram na sala de professores, se estendendo a algumas outras salas, e atingiram cerca de seis pessoas, sendo que em duas foi confirmado o óbito no local. 

Ainda segundo o Capitão Alexandre, o criminoso teria deixado a primeira escola utilizando um veículo Renault Duster de cor dourada, com as placas tampadas. No Centro Educacional Praia de Coqueiral, relata, "ele fez a mesma coisa: entrou nas salas, efetuando disparos. Lá ele atingiu cerca de cinco pessoas e um óbito foi confirmado no local. Os feridos foram socorridos em hospitais da região".

Reprodução/Redes Sociais

O mesmo veículo foi usado na fuga da segunda escola, em direção à orla. "O cerco inteligente do Estado e da prefeitura estão ativos, buscando esse veículo. A Polícia Militar, através da P2 e guarnições, e a Polícia Civil, estão em diligências atrás desse adolescente. Ele já foi identificado, já temos o endereço dele, vamos até a residência fazer diligências e colher informações sobre esse triste caso", afirmou. 

O governador Renato Casagrande também informou seu deslocamento para Aracruz. Ele soube da tragédia durante uma agenda nacional em São Paulo e suspendeu o compromisso no evento que discute o pacto federativo e a reforma no Brasil. "Estou agora buscando retornar ao Espírito Santo para acompanhar de perto toda a apuração e desenrolar deste triste fato. Pedi aos secretários de Segurança e de Educação para se deslocar ao local, prestar apoio a famílias, servidores das escolas e comunidade e, ao mesmo tempo, a apuração para gente alcançar esses responsáveis. Estou retornando para que eu possa também in loco fazer esse acompanhamento", disse.

Cerco por terra e ar

Após diligência na EEEFM Primo Bitti, os secretários da Sesp e da Sedu, respectivamente o coronel Márcio Celante e Vitor de Angelo, prestaram informações à imprensa, ao lado do prefeito de Aracruz, Doutor Coutinho (Cidadania).

"Na escola em que estamos [Primo Bitti] foram onze vítimas, duas foram a óbito e nove foram socorridas. Na outra, tivemos três vítimas, uma a óbito e outras duas socorridas em hospital", informou Celante. 

Reprodução

Segundo o secretário, a Sesp confirma até agora que o atirador é um homem, conforme pode ser constatado pelo vídeo de segurança da escola. "Mas precisamos entender a dinâmica fora da escola, havia uma pessoa algum carro dando cobertura, outras pessoas?", disse.

Outras confirmações são a respeito da arma e vestimentas do criminoso. "Ele usou uma pistola semiautomática, estava com roupa camuflada e rosto coberto por uma máscara ou outro acessório, e um colete à prova de balas".

A primeira ação criminosa, disse ainda, "foi acessar a escola arrebentando o cadeado, tendo acesso à sala dos professores, e indo depois para a outra escola". 

No início das investigações, foram mobilizados dois helicópteros do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo da Casa Militar (Notaer), além de viaturas para diligências em vias do município. "Se necessário fazer ponto de bloqueio, será feito", disse o secretário da Sesp.

Sala de Situação

A previsão é de que o governador Renato Casagrande chegue a Aracruz por volta das 16h, quando integrará a Sala de Situação criada na EEEFM Primo Bitti.

Veja mais notícias sobre Segurança.

Veja também:

 

Comentários: 1

Adriana em Sexta, 25 Novembro 2022 15:13
Visitante
Sexta, 21 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/