Terça, 19 Outubro 2021

Ecos externos

casagrande_entrevista_leonardo_sa-30 Leonardo Sá
Leonardo Sá

As intensas movimentações de lideranças locais na direção do Palácio Anchieta em 2022 começam a fazer eco para fora do Estado nas análises de cenários eleitorais. Os nomes que já aparecem em veículos nacionais como candidatos, além do governador Renato Casagrande (PSB), são Carlos Manato (sem partido), como representante do bolsonarismo; o senador Fabiano Contarato, naquele contexto de deixar a Rede Sustentabilidade e erguer um palanque pelo PT ou PDT; o ex-prefeito da Serra Audifax Barcelos (Rede); e o último a entrar em campo, o ex-vice-governador e ex-deputado César Colnago (PSDB), cuja articulação ainda não é unânime no ninho tucano. Já o presidente da Assembleia Legislativa, Erick Musso (Republicanos), apesar de todas as estratégias empenhadas no Estado, por enquanto, não tem sido considerado peça do jogo. Lá fora né, por que aqui...o mesmo se diz do prefeito de Linhares, Guerino Zanon (MDB), mas que, diferente de Erick, mantém até agora movimentos menos escancarados, concentrados "nas internas". Quem avança, quem fica pelo caminho? A principal mesa do tabuleiro segue mais do que aberta.

Na 'boa'
A propósito, Erick não para de circular com o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini (Republicanos), para inauguração de obras. Nesse sábado (2), foi a vez do deck de São Pedro. Lembrando: Pazolini anunciou pacote de investimentos de R$ 1 bilhão. É muito palanque para o presidente da Assembleia explorar.

Sozinho
A conversa de Lula com deputados federais e senadores do partido nesta segunda-feira (4), em Brasília, quando reforçou a meta de fechar o maior número de candidatos à Câmara no ano que vem, retoma questionamentos já feitos aqui na coluna, ainda na época em que o ex-presidente recuperou seus direitos políticos. Por aqui, quem vai acompanhar Helder Salomão na chapa, tendo peso eleitoral?

De cima pra baixo
A liderança que poderia ser cotada para a mesma disputa é o ex-prefeito de Vitória e ex-deputado João Coser, que inclusive vem de eleição recente, na Capital, com segundo turno. Mas ele insiste que é candidato à Assembleia Legislativa. Em abril chegou a afirmar que esse cenário poderia mudar somente sob uma hipótese: um pedido de Lula. Pelo visto...

Na mesma
Semana passada mostrei aqui na coluna o descompasso entre as decisões de alguns partidos e o comportamento de seus filiados com mandato, no caso dos protestos "Fora Bolsonaro". O PSB capixaba logo apareceu para reiterar, em nota, a convocação da militância para a sexta edição do ato, nesse sábado (2), em Vitória. O "x" da questão, porém, continua o mesmo.

Na mesma II
Um grupo do partido, incluindo o presidente Alberto Gavini, realmente compareceu à manifestação. Mas, de novo, nada de lideranças com mandato nas ruas, o que é, no mínimo, sintomático. Vão se posicionar quando, afinal? Parlamentares: Bruno Lamas, Freitas e Dary Pagung, da Assembleia, e Ted Conti da Câmara (Sergio Majeski não contei, porque ¬está de saída do PSB).

Prioridade?
Anunciada como prioridade no Estado, a aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19 ainda não chegou a muitos idosos acamados em Vitória, público vulnerável, muitas vezes com comorbidades, e que precisa aguardar a imunização em casa. Inclusive, há relatos de pessoas na faixa etária acima de 80 anos. A imunização está liberada para esse grupo há quase um mês. Aí, não, né prefeitura!?

Prioridade II?
Queixas que chegam à coluna apontam que tem unidade que sequer iniciou o processo, por ausência de enfermeiro. O quadro geral não é possível saber, pois a prefeitura alega "normalidade" na imunização dos acamados. A própria colunista aqui ligou para uma delas na manhã desta segunda-feira (4) e confirmou o problema. Esperar tanto tempo, em plena pandemia e com riscos, não tem nada de normal.

Nas redes
"O direito de acesso universal à Justiça é sagrado. O Procurador-Geral da República representa uma instituição cuja prerrogativa é defender a sociedade, mas faz exatamente o contrário ao golpear o trabalho da Defensoria Pública". Senador Fabiano Contarato, de saída da Rede Sustentabilidade.

FALE COM A COLUNA:

Nas ruas

A lista de 2022, por enquanto, só aumenta: Casagrande, Erick, Manato, Audifax, Guerino Zanon e agora...César Colnago! 
https://www.seculodiario.com.br/socioeconomicas/nas-ruas-1

Veja mais notícias sobre Socioeconômicas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 19 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.seculodiario.com.br/