Quarta, 12 Junho 2024
Lissa de Paula/Ales

Gold lança Centro Psicossocial LGBTI+ nesta segunda-feira

Deborah Sabará informa que o projeto contempla atendimento psicológico e social e ações culturais e formativas

Lissa de Paula/Ales

Gold vai criar Casa de Acolhimento de Pessoas LGBTIQIA+ em Vitória

Com a doação de imóveis para a Casa, Deborah Sabará afirma que é preciso, agora, reformar e comprar mobília

Lissa de Paula/Ales

'Quando tivermos coragem para denunciar, esses dados vão aparecer'

Anuário da Segurança mostra que violência contra comunidade LGBTQIA+ aumentou. Deborah alerta que dados são ainda maiores

Divulgação

Prefeitura de Marataízes retira apoio a projeto da comunidade LGBTQIA+

Guilherme Nascimento, da Casa Roxa, informa a realização de um ato neste domingo contra a atitude da gestão

Arquivo Pessoal

O que é ser trans e travesti negra em uma sociedade transfóbica e racista?

Encontro de travestis e transexuais negras e negros, em Vitória, irá debater demandas desse segmento

Redes Sociais

Vitória pode ter dossiê de dados sobre violência contra a comunidade LGBT+

Câmara aprovou projeto de Karla Coser, que segue para sanção do prefeito Pazolini. Gestão é alvo de críticas na área

Tania Rego/Agencia Brasil

Governo institui GT para coleta de dados sobre comunidade LGBTI+

Trabalho pretende preencher lacuna e utilizar os dados para formulação de políticas públicas no Estado

Lissa de Paula/Ales

Ativista defende inclusão de internos da comunidade LGBT em Grupo de Trabalho

Deborah Sabará representa a sociedade civil no GT para normas e portarias para tratamento penal do público LGBTQIA+

Lissa de Paula/Ales

'Há uma demanda recorrente por emprego e qualificação na comunidade LGBTQIA+'

Deborah Sabará afirma que a situação é pior quando se trata de pessoas afeminadas, negras, trans e travestis

Ufes

Ufes: decisão sobre banheiros conforme identidade de gênero é adiada

Debate no Conselho Universitário se estendeu até o teto de duração da reunião desta quinta-feira

Agência Brasil

Governo do Estado é condenado a indenizar família de mulher morta em presídio

Indenização é no valor de R$ 70 mil por danos morais. Advogado recorreu para que sejam pagos também danos materiais

Gold

Defensoria acusa gestão de Pazolini de danos morais à comunidade LGBTQIA+

Pedido de apoio estrutural da Prefeitura ao Manifesto LGBTQIA+, também feito na Ação, foi negado pela Justiça

Lissa de Paula/ Ales

Dossiê aponta oito mortes violentas de LGBTI+ no Estado em 2021

Número é questionado por Deborah Sabará, da Associação Gold, que alerta para subnotificação de casos 

CNJ

Família de mulher morta em presídio move ação contra o Governo do Estado

Assassinato ocorreu em presídio destinado à comunidade LGBT+. Ação alega danos morais e materiais

Pixabay

Violência simbólica na prisão gera adoecimento psicológico na comunidade LGBT+

Cerceamento da expressão de gênero é destacada como uma das formas de violência simbólica 

Tania Rêgo/Agência Brasil

Falta de dados prejudica políticas de combate à violência contra LGBTs

No Estado, registro das ocorrências não aponta a orientação sexual nem a identidade de gênero 

Lissa de Paula/ Ales

‘Governo Bolsonaro usa população LGBTQ+ como barganha política’

Deborah Sabará afirma que questionamento da AGU à criminalização da homofobia e transfobia é violência contra a comunidade LGBTQ+